PRESO GRUPO

Pol

Por: Redação | Categoria: Arquivo | 07-03-2017 00:00 | 2773
Foto de

A Polícia Civil em São Sebastião do Paraíso prendeu na tarde de segunda-feira (6/3), quatro homens suspeitos de cometer diversos assaltos no município. O grupo, que estaria ligado à pelo menos três ações criminosas, ocorridas em dezembro e início de janeiro, foi identificado graças a um veículo recuperado na região rural da Queimada Velha, roubado no município de Pratápolis.



O primeiro crime desvendado pela PC foi um assalto realizado a uma loja na rua Pimenta de Pádua, no início de janeiro deste ano. À época, dois indivíduos armados teriam adentrado o estabelecimento e levado cerca de R$5 mil. Os suspeitos, Renan Marcelo Neri Rufino, de 20 anos, e Diego Tales da Silva, de 23, segundo a PC, teriam sido reconhecidos pelas vítimas.



De acordo com o delegado responsável pelo caso, Tiago Bordini, Renan ainda teria participação em pelo menos outros dois assaltos, onde foi usado um veículo Toyota Corolla, roubado na madrugada do dia 23/12 em Pratápolis. Entre as ações estaria um assalto no dia 29 de dezembro, onde o suspeito, na companhia de outros três autores teria assaltado uma adega na Vila Formosa e levado cerca de R$2 mil; e um assalto a um açougue no bairro Mocoquinha, na Véspera de Ano Novo, de onde levaram cerca de R$3 mil.



“No dia 16 de janeiro, recebemos a informação que o veículo usado nessas ações estaria abandado na Queimada Velha. Dentro do carro encontramos vestes usadas pelos autores nos assaltos em Paraíso, o que permitiu identificar os suspeitos. Também foram encontradas nas casas dos suspeitos peças de roupas usadas nos crimes”, conta o delegado.



Além de Renan e Diego, a PC também identificou os suspeitos João Vitor Aguiar Jurado Santos, de 20 anos, que está foragido; Isac Miranda Barbosa, de 19 anos; e Dioni Marcelo Neri Rufino, de 24 anos, que teria participação do roubo do carro em Pratápolis. Os suspeitos foram presos e recolhidos ao presídio de São Sebastião do Paraíso.