CUIDAR COM SAÚDE

Paraíso terá Acesso Avançado e projeto "Cuidar com saúde"

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Saúde | 03-09-2018 10:08 | 116
Durante reunião com servidores da Saúde foram apresentados dois projetos
Durante reunião com servidores da Saúde foram apresentados dois projetos Foto de Denis Menezes

Funcionários de toda a Rede Municipal de Saúde de São Sebastião do Paraíso foram reunidos na tarde de quinta-feira,30, no Teatro Municipal para um encontro com o secretário de Saúde, Wandilson Aparecido Bícego e que também teve a presença do prefeito Walker Américo Oliveira. Foram apresentados dois projetos para melhorar o atendimento, um para os próprios funcionários do setor e a outra o proposta é o Acesso Avançado que será implantado junto à população em caráter de teste na USF Veneza.

Wandilson apresentou números sobre o atendimento da saúde na cidade e mencionou que o setor onde atuam 670 funcionários são atendidas 2.174 pessoas/dia só na rede municipal. Os agentes entram em 1.154 casas dias para oferecer atendimento de saúde à comunidade, observa. O secretário mencionou melhorias e investimentos na aquisição de equipamentos de fisioterapia, odontologia, habilitação da UPA, reforma de Unidades de Saúde da Família entre outras ações adotadas para melhor servir a população. "Destacamos que em 13 anos é a primeira vez que a Odontologia atinge a meta pactuada", exemplificou.

Ele fez a apresentação do projeto "Cuidar com Saúde" que tem a proposta de zelar de quem cuida da população. Conforme Wandilson os servidores do setor precisam estar bem para cuidar do cidadão. "Temos visto funcionários deprimidos, estressados, muitos pedidos de atestados e por isso decidimos fazer esta ação, porque nos preocupamos com a saúde de vocês". O secretário então falou da proposta que será desenvolvida inicialmente com os servidores da saúde. 

A iniciativa é voltada para o tratamento de estabilização de coluna, que visa reduzir uso de remédio e fisioterapia. Já existente na rede pública será oferecido aos funcionários da saúde e que poderá ser estendido a outros setores. O atendimento será feito de forma organizada, com avaliação médica, diagnóstico e encaminhamento da Fisioterapia. O serviço deverá ter início a partir de 10 de setembro. Não está descartada a possibilidade de adoção de outras formas de tratamento como o Reiki e a acupuntura entre outras alternativas, futuramente.

ACESSO AVANÇADO

A coordenadora das Unidades de Saúde da Família, Fernanda Amorim, fez a apresentação do projeto Acesso Avançado. Ela esclareceu que a USF é a porta de entrada do paciente no serviço de atenção básica. No entanto, devido à questão de direcionamento do fluxo, muitos pacientes acabam deixando de comparecer às consultas. A iniciativa pretende favorecer o atendimento ao paciente com maior absorção da demanda espontânea e tem como objetivo "fazer o trabalho de hoje, hoje", evitando agendamentos futuros ou fazendo com que aconteça em intervalos cursos entre 24 e 48 horas.

A experiência será feita inicialmente na USF Veneza de forma piloto. O local tem 2.911 cadastrados e 2,8% possuem plano de saúde. Posteriormente, após avaliação o projeto deverá ser levado para outras unidades. "Na pesquisa que fizemos no dia 23 de agosto o agendamento estava sendo feito para 28 de setembro, queremos melhorar isso e facilitar a vida dos usuários com este novo modelo de atendimento", disse.

Em um levantamento sobre os atendimentos da atenção primária, Fernanda disse que em um ano foram realizados 1.093.573 procedimentos. "Anteriormente tínhamos mais de 300 funcionários, hoje temos 279 e estamos trabalhando no mesmo ritmo", comentou.

O prefeito Walker Américo participou da reunião. Ele mencionou as mais diversas profissões dentro da saúde e enalteceu o trabalho de cada um dos servidores destacando a importância do trabalho que realizam para a comunidade. "Todos trabalham pensando no próximo, na comunidade, a minha gratidão porque vocês sabem o fazem, muitas vezes se desdobram para atender e muitas vezes não são reconhecidos, mas se esforçam mesmo assim para fazer o melhor", comentou. 

Walker concluiu dizendo que críticas sempre vão existir e que elas muitas vezes são originárias daqueles que gostariam de estar no lugar de quem está trabalhando e prol da população.