TERRANOSTRA

Bordini

Por: Manolo D´Aiuto | Categoria: Cultura | 23-09-2018 18:41 | 443
Foto de Reprodução

Cari amici brasiliani, 

Hoje é a vez do sobrenome Bordini, sua maior disseminação é no norte da Itália e especificamente na região de Emilia-Romagna, na província de Modena. 

Modena é uma das cidades mais famosas do mundo, graças a duas excelências: a Ferrari localizada em Maranello e os produtos gastronômicos como o vinagre balsâmico.

A cidade de Modena foi fundada em 183 aC como uma colônia do direito romano, pelos triúnviros Marco Emilio Lepido, Tito Ebuzio Parro e Lucio Quinzio Crispino. 

Em 1598, quando o duque Cesare se mudou de Ferrara para Modena (capital de seu ducado) Modena, tornou-se capital do domínio Estense. Um estado destinado a navegar com fortunas mistas nas lutas entre as potências italianas e europeias, e que apesar das repetidas ocupações de exércitos estrangeiros (os franceses em 1702, os austríacos em 1742) resistiram até a unificação da Itália, com uma única interrupção no período napoleônico. 

O Risorgimento pôde contar com amplas adesões entre os modeneses, entre os quais Ciro Menotti e os numerosos grupos Mazzini e Carbonari da cidade que votaram pela Unificação da Itália no Plebiscito de 1860. 

Modena também é famosa por suas “molti monumenti”, incluindo a Catedral em estilo românico, construído em 1099, no local do túmulo de São Geminiano, “patrono” de Modena. Ao seu lado está a torre do sino chamada Ghirlandina. 

Ghirlandina, tem 86 metros de altura, é a torre do sino da Catedral de Modena, símbolo da cidade foi reconhecida como Patrimônio Mundial pela UNES-CO em 1997, foi construído em 1179. Em 2008 foi iniciado o trabalho de restauração devido a algumas lesões, concluída em 2011. 

O Modena Ducal Palace foi sede do tribunal entre os séculos XVII e XIX. A partir da Unificação da Itália, o Palácio abriga a prestigiosa Academia Militar de Modena. Entre os mais ilustres ex-alunos da Academia, encontramos 10 marechais da Itália, um marechal do ar, 31 ministros, seis presidentes do Conselho, 31 senadores do Reino e três senadores da República e um adjunto: destes, os nomes mais ilustres eles são lembrados no museu Aca-demy militar histórico da Galeria de memória, localizado na mesma sede do Palácio Ducal. 

Mas como eu disse antes é a gastronomia  que faz Modena um dos lugares de visitação dos amantes da boa comida. 

Como antiga capital dos domínios destacou-se pelo vinagre balsâmico, que se espalhou para além de um pequeno círculo de famílias aristocráticas veio com a dispersão ducal Acetaia durante a ocupação napoleônica. Mas também os livros de receita do tribunal tiveram uma influência profunda no desenvolvimento dos preparativos locais, e hoje alguns restaurantes oferecem pratos inspirados nas receitas do Leste dos séculos passados. 

Existem numerosos laticínios dedicados à produção de Parmigiano Reggiano, e as preparações de porco são muito importantes. 

São dois os pratos típicos da temporada de inverno, mas você pode encontrar a maior parte do ano em restaurantes como nas casas dos modenenses. 

A produção de vinho como: Lambrusco,  Grasparossa (produzido na colina) de Sorbara e Lambrusco Salamino (produzido na planície) são o destaque desta regiao. 

Em Modena, há uma Osteria Francescana, com 3 estrelas Michelin o melhor restaurante do mundo por duas vezes. 

Também apresenta uma importante produção de alimentos que contribui para o crescimento de sua economia. Os principais itens de exportação em todas as partes do mundo são tipos de massas recheadas (tortellini e similares), salames de todos os tipos (entre os quais zampone e cotechino), queijos (principalmente Parmigiano Reggiano) e acima de tudo vinhos (dos quais os mais característicos é o Lambrusco). 

Além da Ferrari, na província de Modena existem vários fabricantes de automóveis: Maserati, Pagani e há algum tempo também o Bugatti. 

Não podemos esquecer que o grande Tenor Luciano Pavarotti é de Modena. 

“Quindi, se vieni dall’Italia, prendi un buon panino con prosciutto parmiggiano e aceto balsamico, sali su una Ferrari e scappa. Vi abbracio”  .