IDOSO

CMDI promove 2º Semana do Idoso em Paraíso

Por: João Oliveira | Categoria: Cidades | 29-09-2018 17:29 | 17
Foto de Reprodução

O Conselho Municipal dos Direitos do Idoso (CMDI) realiza entre os dias 1 a 5 de outubro a 2ª Semana do Idoso em São Sebastião do Paraíso. A programação se estende ao longo da semana com diversas palestras que discutem, principalmente, a valorização e o papel do idoso na sociedade. De acordo com a presidente do CMDI, Paula Pimenta, desde fevereiro vem sendo planejando a programação que foi pensada em chamar a atenção, especialmente, da terceira idade.

“Realizamos a 1ª Semana do Idoso no ano passado e foi uma experiência bastante exitosa, por isto pensamos em refazê-la neste ano”. O conselho, que teve lei que instituiu sua criação aprovada em 2014, somente em março de 2017 conseguiu, de fato, efetivar sua diretoria, que é composta por membros da administração e da sociedade civil.

Pimenta destaca que na programação está inclusa a realização da 1ª Conferência Municipal de Direitos da Pessoa Idosa, com o intuito de levantar propostas para a melhoria dos serviços de atendimento ao idoso e a eleição dos delegados para a etapa estadual, que acontecerá em Belo Horizonte, ainda sem data definida. “Essa Conferência é uma determinação do Conselho Nacional do Idoso. O nosso município nunca realizou e esta será uma primeira experiência”. O tema será “Os desafios de se envelhecer no século XXI e o papel das políticas públicas”, destaca.

Paula comenta ainda que a situação do idoso no Brasil é diferente da perspectiva que existe para a pessoa idosa em outros países, que seria um papel de destaque. “Lá fora o idoso é sempre visto como alguém que merece respeito e que é uma pessoa sábia. No Brasil, infelizmente, não vejo isto; esta não é uma característica apenas de São Sebastião do Paraíso, mas de todo o país. O idoso não é valorizado como deveria e acompanhamos muitos casos de violência patrimonial, onde a família se apropria da renda deste idoso, e casos onde o próprio idoso é o arrimo da família”, aponta à conselheira.

Sobre os direitos da pessoa idosa, Paula destaca ainda que a legislação é muito bem escrita, salvo em algumas situações de regulamentações, porém na constituição e no estatuto da pessoa idosa é uma lei muito bem redigida. “O que falta é o cumprimento adequado”, lamenta.

 

PROGRAMAÇÃO

No dia 1º de outubro será realizada a caminhada comemorativa, saindo às 7h30 da Arena João Mambrini e se dirigindo até a Praça da Matriz, no centro, onde haverá café da manhã especial, serviços de saúde, entrega de materiais informativos, atividades físicas e de socialização. Às 13h será promovido uma “Tarde da Beleza” no Asilo São Vicente de Paulo.

Na terça-feira (2/10) está progrmada a abertura oficial do evento, às 7h30, no anfiteatro do Ceduc. No local acontecerá palestra focando o tema dos benefícios da arte na terceira idade, além de apresentações artísticas e culturais. “Fizemos parceria com a Academia Paraisense de Cultura, Lions Clube e a Academia Shaolin do Norte”, acrescenta Paula Pimenta.

Na quarta-feira, também no Ceduc, acontece a 1ª Conferência Municipal de Direitos do Idoso. O tema abordado este ano é “Os desafios de envelhecer no século XXI e o papel das políticas públicas”, com a assistente social do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Meire Souza Neves.

Na quinta-feira, às 07h30, terá o 10º Seminário do Idoso. O evento também ocorre no anfiteatro do Ceduc, com apresentação de coral e palestra sobre “Realidades e perspectivas do Asilo São Vicente de Paulo de São Sebastião do Paraíso”, com a médica Vanessa Helena de Lima Pádua, especialista em Medicina da Família. Finalizando a programação, na sexta-feira, (5/10), às 8h, será promovido um café da manhã especial exclusivo para contadores da cidade, no Hotel das Acácias, quando serão divulgadas as ações do CMDI e do Fundo Municipal do Idoso.

“Esse encontro é para que tracemos estratégias para conseguir arrecadar fundo para o conselho para que possamos organizar esses valores para as entidades que trabalham adequadamente no atendimento da pessoa idosa. Será uma semana muito corrida, mas estamos muito otimistas com esta realização”, completa a presidente do CMDI.