GILBERTO AMARAL

A hora é de paz

Por: Gilberto Amaral | Categoria: Brasil | 07-11-2018 23:24 | 2802
Foto de Reprodução

Se é que no Brasil existe realmente uma democracia, ninguém está entendendo essa preocupação de políticos, inclusive do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, em trocar farpas com o presidente eleito, Jair Bolsonaro. O que não podia e não seria aceito de forma alguma, seria a volta do PT, quando Lula, preso, num apartamento em Curitiba, comanda a política sem que ninguém fale nada. Deixem o presidente eleito em paz. Vamos unir forças para a recuperação do Brasil, totalmente estraçalhado.

Moro
O juiz que se notabilizou pela sua compostura e austeridade, Sérgio Moro, está sendo alvo de comentários indevidos, pela imprensa, e tribunais superiores. Como perguntar não ofende, quais as razões de tal mister?

Em tempo
Tem magistrados e até mesmo ministros que nunca advogaram na vida e hoje ocupam posições, as mais elevadas, dentro do judiciário.

Censura
Modéstia à parte sou o jornalista mais antigo do país e nunca dei importância à censura. Quando o jornalismo é sério, não há necessidade desse expediente.

Christie’s
Recebo da mundialmente famosa casa de leilões o comunicado da indicação de Marina Bertoldi para a vice-presidência da diretoria regional do Brasil. O comunicado veio por meio de Marc Porter, chairman, e Jennifer Zatorski, presidente da instituição.

Direitos
“Todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e direitos. São dotados de razão e consciência e devem agir em relação uns aos outros com espírito de fraternidade” (Artigo) Resolvi trazer hoje esse artigo primeiro da Declaração dos Direitos Humanos porque quero fazer um questionamento.

Incompatíveis
Para mim, duas das principais missões do futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, são incompatíveis: guerra ao crime organizado e defesa dos direitos humanos. Por que? Porque os bandidos do crime organizado no Brasil são os que mais violentam os direitos humanos.

Criminosos
Ninguém tem o direito de matar ninguém. Quem mata o outro rompe com o direito humano de viver. Assim, exonera-se do direito humano de viver. Mais? Declaração não defende os direitos dos bandidos porque diz que “todos devem agir em relação uns aos outros com espírito de fraternidade”. Os bandidos não fazem isso. 

Escudo
Aliás, se querem saber o motivo do fracasso das operações armadas contra os criminosos do Rio, eu não tenho dúvida: O Exército foi ao Rio com homens, armas e estratégias, mas foi também com respeito aos direitos humanos. Os bandidos adoram isso porque é o escudo deles.

Dureza
Desse modo, acho que a guerra ao crime organizado, prioridade do novo Governo, deve ter à frente um general ou coronel do Exército linha dura, sem complacência aos criminosos. Eles são desumanos, selvagens e cruéis. Devem ser tratados sem piedade e sem dó. Aliás, é o que o povo diz nas ruas: bandido bom é bandido morto.

Imprensa
Com certeza, o presidente Jair Bolsonaro precisará ter um Secretário de Imprensa de multivisão, competência e experiência para fazer um trabalho inteligente, eficiente, coerente, abrangente e convergente em ação, reação e pró-ação de âmbito nacional. É que os principais veículos de comunicação do país, todos de tendência petista, estão contra o presidente desde a campanha eleitoral e vão encarar o Governo como terceiro turno. Vai ser uma guerra.

Mérito
Pelo segundo ano consecutivo, o médico Múcio Porto foi agraciado pela associação My Face My Body, de Londres, como um dos 100 melhores cirurgiões estéticos do mundo. A entrega será feita em jantar de gala no Hotel Wilshire Beverly Hills, em Los Angeles. Na mesma noite, ele participará de um júri, que vai escolher os melhores cirurgiões plásticos dos EUA.

Limpeza
Eis um grande desafio de gestão para o novo presidente Jair Bolsonaro: limpar os ministérios do aparelhamento do PT feito ao longo de 13 anos no poder. Os ministérios estão cheios de petistas infiltrados pagos pelo Governo, trabalhando para Lula e o PT, e atrapalhando o Governo. É assim que decisões dos ministros nem bem são tomadas e já são vazadas com interpretação negativa.

Raphaël Rego
Já falamos dele nesta coluna e quem esqueceu, anote este nome. O guia Gault et Millau recompensou o chef Raphaël Rego (foto) e sua cozinha franco-brasileira, com o título de “Le Grand Chef de Demain” (o grande chef de amanhã, em português). Quem quiser comer um feijão preto gastronômico, o restaurante Oka fica perto do Panteão, no histórico 5º distrito de capital francesa.

Hospices de Beaune
O 158º leilão de vinhos dos Hospícios de Beaune (Borgonha-França), o mais famoso do mundo, acontece neste domingo, 18 de novembro. No ano passado, o leilão somou mais de 12,3 milhões de euros, um recorde histórico. Este ano serão leiloados 828 barris e 50 garrafas de grandes vinhos como Pommard, Corton, Echézeaux, Mazis-Chambertin, Volnay, Montrachet, Meursault e Pouilly-Fuissé. O valor arrecado vai para a instituição hospitalar Hospices de Beaune fundada no século XV. A venda é organizada pela prestigiosa Christi e atrai compradores internacionais

Turquia
Apesar de polêmicas e greves, o futuro do maior aeroporto do mundo foi inaugurado, em Istambul, pelo presidente Recep Tayyip Erdogan, em comemoração do 95º aniversário da República Turca. Em 10 anos, com a segunda etapa da obra concluída, o hub que conecta Europa-Ásia-África alcançará pódio do maior aeroporto do mundo, recebendo até 200 milhões de passageiros por ano. Em 2017, o aeroporto de Atlanta (EUA) liderou o ranking recebendo 103,9 milhões.

Foto: Stéphane Lesellier