ESCURAS

Até quando vão continuar embromando e passarela na BR 491 ficará às escuras?

Por: Sebastião Tadeu Ribeiro | Categoria: Transporte | 01-12-2018 12:54 | 1581
A caixa do padrão para colocar o relógio para registrar o consumo de energia elétrica das luminárias da passarela já está pronto
A caixa do padrão para colocar o relógio para registrar o consumo de energia elétrica das luminárias da passarela já está pronto Foto de Sebastião Tadeu Ribeiro

Há três semanas o “JS” publicou matéria sobre a passarela construída sobre a BR 491 bem em frente para o bairro Cidade Industrial está sem iluminação e por isso se torna perigosa para quem se aventurar a utiliza-la.

Foi mencionado que a Concessionária Nascente das Gerais construiu a passarela para pedestres que está pronta há mais de seis meses, mas o problema é que gerando muitas reclamações por parte de usuários é que a instalação completa, inclusive o padrão para leitura do consumo de energia elétrica está pronto, mas até o fechamento desta edição a passarela continua às escuras.

Cobertos de razão, pedestres temem passar durante a noite pela passarela. A extensão é enorme e devido a escuridão certos elementos têm frequentemente feito ponto para uso de drogas, e com isso deixado pessoas amedrontadas, evitando utilizar a passarela.

E continua como antes, nenhuma providência foi tomada. Moradores do Cidade Industrial afirmam que ligam para o 0800 282050503 telefone disponibilizado para informações ao público pela Nascente das Gerais. Quando atendem, segundo afirmam moradores do Cidade Industrial, “é só jogo de empurra, alegam que só falta a Cemig ligar”.

Moradores foram ao serviço de informações da Cemig em São Sebastião do Paraíso, e receberam a informação que não chegou nenhuma autorização para que seja ligada a energia elétrica na passarela.

Este é o motivo pelo qual pedem interferência do prefeito Walker Américo e Câmara Municipal para solucionar o que chamam “embromação”, e ajudarem a cobrar a agilização para ser ligada a energia elétrica para a devida iluminação da passarela.

A morosidade e o mau atendimento no setor público são itens que travam o desenvolvimento do país, que poderia ser, há muito tempo, de primeiro mundo.

Novamente moradores do Cidade Industrial reivindicam ligação  de energia elétrica para acender as luminárias da Passarela