DESABAR

Poste corre risco de desabar na rua Alfredo Fidelis Marques

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Cidades | 06-01-2019 21:26 | 359
Poste está pendido para dentro do terreno e pode cair com a chuva e vento fortes
Poste está pendido para dentro do terreno e pode cair com a chuva e vento fortes Foto de Divulgação

Moradores da rua Alfredo Fidelis Marques estão incomodados com a existência de um poste, instalado bem no início da via próximo ao cruzamento com a rua Alferes Patrício. Há cerca de 10 dias, o poste começou a pender para dentro de um terreno e com o risco de desabar a qualquer momento. Trabalhadores de uma obra no local já fizeram um desvio improvisado para as águas da enxurrada.

Segundo uma mulher que ligou para a redação, mas preferiu não ser identificada o poste pode cair a qualquer hora e ainda por cima corre-se o risco de causar prejuízos. “Pode ocorrer de cair sobre uma pessoa que estiver passando, ou sobre um carro. Pode ainda trazer transtornos em linhas telefônicas que passam por ai”, descreve a moradora das imediações.

O poste de madeira pelo estado de conservação em que se encontra aparenta ter sido colocado no local há muitos anos e com o passar do tempo vem se deteriorando por estar exposto ao sol e a chuva. No local está sendo realizada uma obra. Foram os próprios operários que fizeram um desvio para que a água da chuva passe pelo outro lado da rua, evitando-se assim uma maior erosão do terreno já desgastado.

O poste está localizado próximo ao cruzamento das ruas Alfredo Fidelis Marques e a Travessa Alferes Patrício e em algumas horas do dia é bastante movimentada. O trecho é bastante utilizado por quem vem da parte baixa da cidade, do bairro Santa Maria e estão em direção a áreas do centro e a parte alta de Paraíso. Uma fita listrada foi colocada nas proximidades para isolar o espaço, mas não impede que pessoas curiosas ou transeuntes se aproximem da parte comprometida, já que a calçada do lado existe o poste também esta danificado o que obriga as pessoas caminharem pela rua.

 “Queremos deixar registrado para que depois os responsáveis não venham afirmar que não sabiam de nada. Já se passaram os dias de festas de Natal e Ano Novo, agora já e hora do pessoal voltar ao trabalho e tomar as providências necessárias antes que algo de grave aconteça”, finaliza.

Poste está pendido para dentro do terreno e pode cair com a chuva e vento fortes