TREINAMENTO

Atendentes da UAI recebem treinamento sobre o Sistema Prisional

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Cidades | 22-02-2019 10:08 | 477
Atendentes das unidades participam de ação para dar suporte específico a cidadãos que buscam informações desta área
Atendentes das unidades participam de ação para dar suporte específico a cidadãos que buscam informações desta área Foto de Divulgação

O Núcleo de Assistência à Família (NAF) do Sistema Prisional, em parceria com a Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), está treinando colaboradores para atuarem no atendimento dos familiares de presos que cumprem pena em unidades prisionais. Assistentes sociais e demais aten-dentes que trabalham nas Unidades de Atendimentos Integrado (UAI) em São Sebastião do Paraíso também passam pelo programa. Elas estão sendo capacitadas sobre os sistemas informatizados que são utilizados durante o atendimento ao familiar.

O treinamento também aborda de que forma o atendimento deve ser realizado para melhor acolher o cidadão que, muitas vezes, busca informações sobre o seu parente que está preso. Além de Paraíso também foram incluídas no programa funcionários das unidades de Belo Horizonte, Juiz de Fora, Uberlândia, Governador Valadares, Betim, Poços de Caldas, Sete Lagoas. Os trabalhos foram realizados na Cidade Administrativa, na capital. Além dos cinco dias de capacitação, os atendentes tiveram como complemento dois dias de estágio na UAI Venda Nova, em Belo Horizonte. Atualmente, existem 24 pontos de atendimentos do NAF em todo o estado.

A diretora de Assistência à Família, Judsônia Curte, explica que o foco do curso é trabalhar a humanização, a acolhida, a empatia e, principalmente, a qualidade do atendimento. "Os parentes das pessoas que estão em restrição de liberdade não têm culpa de o familiar estar nessas condições. Nesse sentido, é muito importante que a pessoa responsável por prestar o serviço acolha a demanda do cidadão e consiga transmitir, com segurança e tranquilidade, a informação correta, esclarecendo todas as dúvidas", afirma.

Eliana Dias trabalha há dois anos em uma das unidades e reconhece a importância do treinamento voltado especificamente para o público relacionado ao sistema prisional. "Como atendentes, nós não fazemos diferenciação do cidadão que está sendo assistido. Poder adquirir novos conhecimentos em cursos de capaci-tação como este é a garantia de que estaremos prestando um serviço de qualidade para os mais diversos públicos", comenta.

NAF
Minas Gerais conta com 24 unidades do Núcleo de Assistência à Família, localizadas em todo o estado. A equipe é composta por atendentes e profissionais do psicossocial (assistente social/psicólogo) treinados para atender as famílias. Eles recebem capacitações presenciais periódicas e suporte diário da equipe da Diretoria de Assistência à Família, da área de Administração Prisional do Estado.

Diante do difícil acesso a muitas unidades prisionais, por serem afastadas dos grandes centros, o NAF possibilita aos usuários o acesso facilitado para a solicitação das demandas dos detentos, como cadastro para visita social, íntima ou assistida, solicitação de atestado carcerário, auxílio-reclusão e permanência, confecção de documentos, assinatura de procurações, solicitação de escolta para casamento, registro de filhos, entre outros.