CURTAS EDIÇÃO 2288

Curtas

Por: Redação | Categoria: Cidades | 23-03-2019 07:27 | 126
Foto de Reprodução

Rompimento
Conforme promete o vereador Sérgio Gomes, na sessão desta segunda-feira (25/3) ele apresentará à Câmara Municipal projeto de lei que autoriza o município de São Sebastião do Paraíso cancelar contrato com a Copasa para tratamento do esgotamento urbano. Serginho argumenta que a empresa não faz o devido tratamento, lança os dejetos em cursos de água poluindo rios, e ainda cobra do consumidor paraisense por isso. É um absurdo, diz Serginho.

Na capital
Na terça e quartas-feiras, o presidente da Câmara, Lisandro Monteiro e os vereadores Ademir Ross (PSD), Luiz de Paula (PHS) e Vinício Scarano (SD), estiveram em Brasília representando a Câmara Municipal de São Sebastião do Paraíso. Levaram uma série de demandas e fizeram contatos..

Parceria
Vinício Scarano Pedroso anunciou ter fechado uma parceria com o deputado federal Tiago Mitraud, do Partido Novo. Entre demandas apresentadas ele pediu verba de custeio em favor do Hospital Gedor Silveira. Também foi tratado com o deputado pedido de indicação de emendas parlamentares que beneficiem Paraíso. Vinícius pediu a intermediação do deputado junto ao governador Romeu Zema. O pleito é para que haja a liberação de R$ 1.250.000 para pavimentação asfáltica e pagamento de parte da dívida da Santa Casa de Misericórdia..

Reivindicando
Também em Brasília o vereador Luiz Benedito de Paulo  apresentou reivindicações pleiteando um rolo compressor para compactar massa asfáltica, máquina para construção de guias, uma patrol, dois caminhões basculantes e uma pá carregadeira. Ele pediu aos parlamentares mineiros que atuem para baixar o custo para habilitação em Minas Gerais. Diretamente ao deputado Emidinho Madeira pediu a instalação de antenas de celular não só em São Sebastião do Paraíso, mas para todos os municípios mineiros.

Blitz
Pelo menos duas blitizes educativas pelos agentes de trânsito da Guarda Municipal foram realizadas nesta semana em Paraíso. São duas turmas que depois da parte teórica agora vão à prática de como se portar durante abordagem aos condutores. Em breve haverá nova etapa com uso de equipamentos eletrônicos, com o apoio da Polícia Militar.

Queda
De quinta para sexta-feira foi registrada a queda de mais uma árvore no perímetro urbano de Paraíso, desta vez no San Genaro. Chuvas intensas e rajadas de vento são apontadas como prováveis causas. Por sorte não houve vítima ou danos materiais. Parte da árvore permaneceu de pé. Pela cidade, segundo informações ainda existem outras árvores de pequeno, médio e grande porte em situação de risco podendo desabar a qualquer momento.

Estradas
Estradas que conduzem à zona rural de Paraíso têm deixado a desejar. Fala-se que chuvas intensas seriam a causa. Há quem também aponte falta de manutenção ou o serviço paliativos. O trânsito de veículos foi interrompido na estrada das Três Porteiras, localizada na região rural da Queimada Velha. Um forte temporal destruiu um ponte e o local ficou intransitável, com previsão de manutenção a partir do momento que as chuvas derem uma trégua.

“Brincadeira”
E por falar em estrada, alguns moradores e proprietários de chácaras no Condomínio Cachoeira entraram em contato com o Jornal do Sudoeste explicando que pela segunda vez em dia de chuva patrol da prefeitura foi passada naquela via de acesso (a estrada da Noca) o que foi considerado “brincadeira de mau gosto”.

Atolados
Reclamantes lembram que a vice-prefeita Dilma Oliveira utiliza aquela estrada, “mas tem carro alto”, no entanto “veículos baixos ficam atolados”, e essa peleja deveria, segundo os reclamantes, ser observada por técnicos da prefeitura.

IPVA
Terminou na quarta-feira,20, o prazo para o pagamento do  Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) 2019. Segundo estimativas do Governo de Minas  foram arrecadados cerca de R$ 3,5 bilhões o que representa quase 60% do total estimado que é de R$ 5,4 bilhões. O volume representa um aumento de receita com esta contribuição de aproximadamente R$ 160 milhões.

Multas e juro
O não pagamento do IPVA nos prazos estabelecidos gera multa de 0,3% ao dia (até o 30º dia), e de 20% após o 30º dia. Os juros são calculados pela taxa referencial do Sistema Especial de Liquidação e Custodia (Selic) e incidem sobre o valor do imposto ou das parcelas, acrescido da multa. Os contribuintes que deixaram de quitar alguma parcela podem fazer o pagamento normalmente - os valores serão atualizados automaticamente. A Taxa de Renovação do Licenciamento Anual de Veículo (TRLAV), cujo valor é de R$ 102,41, vence no dia 1º de abril.

Crédito
O diretor nacional do Sebrae, Carlos Melles, disse ter acompanhado no Senado Federal a votação que aprovou a criação da Empresa Simples de Crédito (ESC). Ele considera um passo vitorioso em favor da ampliação do crédito, fomento ao microcrédito e redução de juros, tudo isso em favor dos MEI’s e micro e pequenas empresas. Segundo o ex-deputado este projeto resulta da ampla atuação do Sebrae e da Frente Parlamentar da Micro e Pequena Empresa. Enquanto deputado ele foi um dos relatores deste projeto de autoria do hoje senador Jorginho Mello.