CONASEMS

Paraisense tem trabalho selecionado no Congresso Nacional do CONASEMS

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Cidades | 06-07-2019 10:29 | 6499
Projeto de Luciano foi selecionado entre os 10 melhores do País ao trabalhar com alunos sobre a prevenção ao Aedes aegypti
Projeto de Luciano foi selecionado entre os 10 melhores do País ao trabalhar com alunos sobre a prevenção ao Aedes aegypti Foto de Reprodução

O agente de endemias Luciano Santana da Mata, da equipe de Vigilância Sanitária da Prefeitura de São Sebastião do Paraíso teve seu trabalho aprovado entre 10 de 264 propostas de todo Brasil no “Projeto Aedes na Mira”. O evento foi realizado na manhã de sexta-feira (5/7), em Brasília, onde acontece o Congresso Nacional das Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS). “É uma grata surpresa ter representado a nossa cidade, esta conquista não é minha, mas de toda nossa equipe”, declarou Luciano ao comentar o resultado realizado nas escolas do município.

Nos dias 4 e 5 de julho foi realizado, no Ulysses Guimarães Centro de Convenções, em Brasília, o I Encontro Nacional do Projeto Aedes na Mira, integrado ao XXXV Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, realizado pelo Ministério da Saúde e entidades parceiras.

A iniciativa tem por objetivo promover um diálogo qualificado sobre as experiências apresentadas pelos alunos na forma de projetos de intervenção desenvolvidos no contexto do Projeto Aedes na Mira.

Nesta sexta-feira, 5, ocorreu uma mesa de debate com especialistas do Encontro Nacional do Projeto Aedes na Mira e também o lançamento da versão eletrônica do Manual de Direito Sanitário com Enfoque em Vigilância em Saúde e da Comunidade de Práticas do Projeto Aedes na Mira.

O paraisense Luciano Santana, da Prefeitura de São Sebastião do Paraíso teve o seu trabalho selecionado entre os 10 melhores entre 264 projetos de todo o Brasil. Ele trabalhou com o tema “Uso da educação em saúde para a sensibilização de crianças do Ensino Fundamental”.  Ao comentar o resultado ele falou de sua surpresa e satisfação. “Surpreendeu-me o resultado. Fiz o projeto com satisfação e aprendi muito também. Foi uma surpresa e alegria poder representar a cidade”, declara.

O projeto de Luciano consiste na conscientização de crianças no período escolar do Ensino Fundamental, pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combate às Endemias (ACE). A iniciativa prevê a busca de parcerias das escolas das redes municipal e estadual, para realizar a conscientização dos familiares e o monitoramento das residências, visando diminuir o índice de infestação predial no município.

O agente realizou visitas domiciliares quando observou que os familiares dos alunos já sensibilizados começaram a cobrar a mudança de atitude dentro das residências, no que se refere aos resíduos e cuidados com a água parada.

Luciano com toda a humildade fez questão de dividir os méritos da conquista. “Este prêmio não é meu, mas de toda a equipe de trabalho. Pesquisei desde o começo, pensei em desenvolver um projeto com crianças nas escolas e agora estamos levando esta vitória para São Sebastião do Paraíso”, comemorou. Ele assegurou ainda que o aprendizado é enorme pela intervenção realizada envolvendo as escolas e os alunos.

Durante a realização do evento, foi promovida a 16ª edição da “Mostra Brasil aqui tem SUS”, com apresentação de experiências exitosas de Secretarias Municipais de Saúde, com o objetivo de mostrar o Sistema Único de Saúde (SUS) que dá certo em todas as regiões do país.

A iniciativa tem por objetivo a implantação de estratégias de prevenção das arboviroses e do manejo do mosquito Aedes aegypt e suas consequências, com foco na capacitação de gestores e técnicos da Saúde.