TRANSPARÊNCIA

Vereador mostra resumo dos gastos da educação em trabalho de transparência

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Política | 10-07-2019 15:18 | 1180
Integrante do grupo “Política com Queijo”  Vinício Scarano realiza trabalho focado  para  transparência e combate à corrupção
Integrante do grupo “Política com Queijo” Vinício Scarano realiza trabalho focado para transparência e combate à corrupção Foto de Divulgação

O vereador Vinício Scarano Pedroso é o representante de São Sebastião do Paraíso no projeto “Política com Queijo”, grupo que possui representação em mais de 70 municípios mineiros. Os integrantes desenvolvem de maneira coletiva e com ações individuais trabalhos e ações relacionadas a transparência e o combate à corrupção. “Neste momento acabamos de concluir um estudo relacionado aos gastos com a Educação e aqui em Paraíso percebemos que não há grandes discrepâncias entre as condições do que é oferecida na rede privada e na escola pública”, comenta Vinício.

Ele explica que o grupo Política com Queijo foi criado em Belo Horizonte e está se espalhando pelo interior de Minas Gerais. “Fui escolhido para fazer parte do grupo que tem um representante por cidade, atualmente são cerca de 70 municípios participantes. Aceitei a proposta e tenho procurado participar seguindo as regras e desenvolvendo as atividades que são apresentadas até aqui obtendo êxito nas ações que tenho desenvolvido neste sentido”, comenta o vereador.

Vinício enfatiza que todos os membros do grupo recebem atividades a serem executadas, todas elas com foco voltado para questões vinculadas à transparência e principalmente ao combate à corrupção. “Fazemos projetos em conjunto e que são apresentados em cada município, como ocorreu aqui conosco quando apresentei a proposta da ficha limpa para funcionários do Executivo e Legislativo”, destaca. O integrante do grupo que não atende as determinações é substituído por outra pessoa que é selecionada para fazer a representação. “Entendi a dinâmica do trabalho proposto e tenho conseguido cumprir bem as atividades estabelecidas”, acrescenta.

Nesta semana Vinício conclui um estudo relacionado aos gastos com a Educação proposta de análise apresentada a todos os membros do grupo. “Fizemos um estudo por setores como investimentos, merenda, transporte e funcionários. Conseguimos fazer um paralelo em relação aos gastos e a quantidade de estudantes matriculados, comparando os dados entre as condições das escolas públicas e particulares”, aponta o vereador. “O estudo nos traz o valor que cada aluno matriculado custa ao Município e faz um comparativo com a média das mensalidades das escolas particulares da cidade”, aponta.

O relatório apurou que os gastos por aluno na rede pública do município é de aproximadamente R$ 500,00 enquanto que a mensalidade na escola particular é de cerca de R$ 600,00. “Não é uma diferença muito grande, mas ela existe e reflete no resultado final, embora constatei que há uma condição de equilíbrio entre as partes”, salienta.

Para Vinício a questão da estrutura física das escolas particulares está em vantagem. “A escola pública merece mais investimentos em infraestrutura, muito embora, sabemos que temos boas escolas e creches. Necessário também que se invista no professor através de um Plano de cargos e Carreiras que sabemos estava em elaboração e está pronto para ser enviado para que apreciemos na Câmara”, diz.

Conforme proposto Vinício Scarano apurou que são gastos nas escolas do município R$ 1.113.621,88 com alimentação escolar, além de quase R$ 5 milhões com transporte escolar próprio e terceirizado. Os gastos com funcionários efetivos e contratados também são consideráveis ultrapassando a casa dos R$ 25 milhões. No quadro em anexo tem a relação completa dos números apurados pelo vereador e o paralelo existente entre as escolas das redes particular e pública.