PREÇOS DO GÁS

Gás é encontrado em Paraíso por R$ 65: veja estabelecimentos e locais de venda

Por: Sebastião Tadeu Ribeiro | Categoria: Comércio | 21-07-2019 09:12 | 2470
No final desta semana, aproveitando a viagem, um paraisense que passava pela cidade de  Uberaba/MG, registrou esta foto com preço gás R$ 60,00
No final desta semana, aproveitando a viagem, um paraisense que passava pela cidade de Uberaba/MG, registrou esta foto com preço gás R$ 60,00 Foto de Divulgação

Atendendo solicitação de consumidores, leitores do “JS”, quinta-feira (18/7) efetuamos levantamento de preços do gás de cozinha GLP, botijão de 13 quilos, em 15 estabelecimentos que revendem o produto de extrema necessidade nos lares, comércio, serviços, indústria.

Conforme o levantamento, os preços mais em conta foram encontrados nos seguintes estabelecimentos: Salomão Gás, Posto Paraíso, Alemão Gás, Mercado São Gabriel, e Oliveira Gás, por R$ 65, no local, ou a R$ 70, para ser entregue. Os nomes e endereços dos 15 estabelecimentos onde foram averiguados preços encontram-se na tabela em anexo.

Conforme já alertamos anteriormente, o consumidor deve verificar a procedência do produto, por questão de qualidade, peso, segurança. Brasil afora, tem sido registrado acidentes envolvendo o uso de gás, e em São Sebastião do Paraíso também já ocorreu.

Vale lembrar que o ministro da Economia, Paulo Guedes, declarou a empresários que em espaço de um ano o preço do gás de cozinha poderá sofrer grande redução de preço. O ministro citou que no Brasil o produto custa em torno de 12 dólares, enquanto no Japão e Rússia, sete dólares, sendo que os dois países não produzem gás. Nos Estados Unidos, segundo o ministro, que produz, o valor ao consumidor é o equivalente a dois dólares e meio.

Paulo Guedes anunciou que o governo vai fazer um “choque de energia barata”. Pretende acabar com o monopólio da Petrobras e de distribuidoras de gás no Brasil, que fazem encarecer o produto ao consumidor.

Temos que frisar que o botijão de 13 quilos custa em média R$ 70, ou seja, o equivalente a 18 dólares. A renda per capta dos brasileiros é disparadamente inferior a dos consumidores japoneses e norte-americanos.

Vamos acompanhar, apoiar, e também cobrar do ministro Paulo Guedes, para que realmente seu anúncio de “energia barata” venha a se concretizar, porque a economia do país está estagnada, e há milhões de desempregados, e o Brasil é produto de gás.

Aconselhável também que o ministro Paulo Guedes reveja os preços de combustíveis, notadamente a gasolina e o diesel, entre os mais caros do mundo.

Semana passada, conforme constatado por um paraisense que registrou em foto, em Uberaba um revendedor de gás comercializava botijões de 13 quilos por R$ 60 no local. Se o comprador adquirir acima (mais) de um botijão, custará o mesmo preço para entrega.

Enquanto isso os preços de combustíveis em São Sebastião do Paraíso subiram em torno de R$ 0,10 por litro. Semana que vem, publicaremos levantamento de preços de combustíveis.