DIRETORA

"Desafio é elevar resultados educacionais" diz Maísa Barreto nova diretora da 35ª SRE

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Educação | 07-08-2019 08:59 | 1496
Nova superintendente Maísa Barreto, fala com entusiasmo e garra sobre como pretende conduzir a Regional de Ensino
Nova superintendente Maísa Barreto, fala com entusiasmo e garra sobre como pretende conduzir a Regional de Ensino Foto de Roberto Nogueira

Uma semana depois de ter sido empossada como diretora da 35ª Superintendência Regional de Ensino (SRE), a educadora Maísa Claudia de Mello Barreto concedeu entrevista ao Jornal do Sudoeste. Ela falou de sua trajetória como educadora e de como pretende conduzir a direção de um dos mais importantes órgãos de educação na região que envolve milhares de alunos em 16 municípios. "O maior desafio, sem dúvida, será o de elevar os resultados educacionais de nossas escolas". Já engajada na proposta de governo defendida pela Secretaria de Estado da Educação (SEE), Maísa Barreto acredita ser possível avançar em busca de melhores resultados para o setor na regional.

Maísa Barreto é graduada em Pedagogia e com Pós-Graduação em Psicopedago-gia Institucional, Supervisão e Inspeção Escolar. "Tenho orgulho de minha trajetória profissional, pois, ingressei na carreira educacional aprovada em Concurso Público, como Técnica da Educação. Já atuando na SRE, participei de mais dois concursos da SEE, como Analista Educacional e, também, para o cargo de Inspetor Escolar, cargo efetivo que ocupo atualmente", anuncia. Ela descreve que a trajetória foi de muito estudo e identificação pelo trabalho, pois, conquistou funções de confiança na instituição como assessora de Gabinete e Diretora da Diretoria Educacional.

 A iniciativa de candidatar-se ao cargo de diretora da 35ª SRE surgiu quando o Governo de Minas lançou o Programa Transforma Minas. "O objetivo foi de atrair e selecionar lideranças por mérito e competência para ocupar os cargos de chefia das Instituições Estaduais", relata. Maísa esclarece que foram várias etapas com provas e entrevista iniciadas em janeiro deste ano. "Fui aprovada em todas as etapas, culminando na nomeação para o cargo de Superintendente Regional de Ensino, no dia 25 de julho de 2019", completa.

A superintendente avalia como positivo o modelo de escolha dos diretores para diversos cargos adotados pelo governador Romeu Zema. "Avalio como altamente positivo. Em outros países o setor público é um celeiro de talentos. Foi uma iniciativa pioneira que contribuirá para a melhoria dos serviços prestados à comunidade. O governador Romeu Zema montou um time no Estado, como ele mesmo disse na cerimônia de posse dos Superintendentes, para "ganhar a Copa"", ressalta. Como pessoa inclusa na seleção dos que farão a diferença Maísa aposta que o novo time vem para conquistar ganhos e vitórias. "A mudança que tanto a sociedade clama passa por todos nós e isto exige novas práticas e novas atitudes de todos", assegura.

Contudo ela reconhece que vários obstáculos terão de ser superados. "O maior desafio, sem dúvida,  será o de elevar os resultados educacionais de nossas escolas. Para isso, devemos fazer uma gestão compartilhada com todos, Professores, Especialistas, Diretores e Secretários Municipais de Educação. Todas as ações terão como foco a melhoria da aprendizagem dos estudantes", aponta.

Semana passada Maísa Barreto esteve em contato com os novos dirigentes selecionados pelo governo na primeira experiência da equipe recém-formada. "Foi uma semana de imersão em todos os aspectos da Gestão com os eixos ligados ao setor Pedagógico, Financeiro e Administrativo e de Pessoal. Foi importante para o início dos trabalhos", avalia. Ela acrescenta que a equipe da SEE é excelente e vai buscar desenvolver um trabalho de parceria com a SRE e Escolas para a entrega de melhores resultados para a população.

Quanto às perspectivas para a direção da 35ª SRE a diretora aposta no conjunto de novas medidas que pretende adotar. "Iniciamos ações, junto à Secretaria Estadual de Educação, no sentido de conquistar a sede própria da SRE que, hoje, funciona em um prédio alugado. Será um passo importante para a regional ter uma sede própria", anuncia. 

Para as escolas dos 16 municípios jurisdicionados a dica é realizar um trabalho conjunto. "Vamos trabalhar de forma integrada para implantar o Novo Currículo Mineiro, promover formações para professores, especialistas e gestores escolares e focar em ações que irão melhorar os resultados educacionais de nossa região", aponta. Maísa acrescenta ainda que otimizará ações visando promover uma gestão tecnológica de informações escolares e monitoramento mais assertivo das ações.

Quanto à qualidade do ensino em Paraíso e na região a superintendente enfatiza que os indicadores educacionais nas avaliações externas na região se comparados com outras regionais - estão à frente - mas estagnados e sem avanço nos últimos anos. "Podemos muito mais, pois possuímos ótimas escolas, professores excelentes, servidores comprometidos, que, juntos e com objetivo claramente compartilhado, daremos um salto que há tempos merecemos", indica.

Ao encerrar a entrevista a educadora agradeceu as mensagens recebidas pelo novo posto alcançado. "O acolhimento e apoio de toda a comunidade me deixou muito entusiasmada a desenvolver um trabalho de excelência em nossa região", diz. Em seguida afirma com otimismo e com dedicação que irá em busca dos resultados almejados. "Tenho certeza que, com coragem para enfrentar os desafios, com foco do trabalho no estudante e com a crença de que uma questão ética, íntegra e eficaz pode transformar profundamente a realidade em que vivemos, buscaremos entregar à comunidade um excelente trabalho", finaliza.