LOJA EM PARAÍSO

Polícia prende dois acusados de invadir loja no centro de Paraíso

Por: João Oliveira | Categoria: Polícia | 23-08-2019 11:07 | 1857
Foto de Reprodução Redes Sociais

A Polícia Militar prendeu na noite de ontem (22/8), Jonata Willian da Silva, de 31 anos,  e Deivisson Santos de Jesus,22, acusados de furto na loja Casas Bahia, no centro de São Sebastião do Paraíso. A ocorrência teve início depois que o serviço de monitoramento da empresa detectou a presença de movimentação suspeita no interior do estabelecimento. Segundo informações um terceiro comparsa que dava cobertura aos envolvidos conseguiu escapar.

Após ser acionada a polícia fez um grande cerco na região central da cidade o que chamou atenção dos moradores e das pessoas que passavam pelo local. Na loja não havia sinal de arrombamento na porta principal o que fez com que as buscas fossem feitas nos fundos e também nas imediações.

Conforme informações dois indivíduos foram vistos no setor de estoque da empresa e com a movimentação o sistema de alarme foi disparado.

Durante as buscas nos quintais de residências e estabelecimentos vizinhos, Jonata foi localizado sobre o telhado de uma loja. Ele tentou fugir e quando acabou caindo e sofreu escoriações pelo corpo e foi detido.

Aos policiais ele confessou que estava acompanhado de um comparsa. Deivisson foi preso em seguida nos fundos da casa paroquial da Igreja Matriz São Sebastião. Além deles segundo informações havia um terceiro elemento que estaria em um veículo e dava cobertura para a dupla e que conseguiu escapar ao cerco policial.

Ainda de acordo com a polícia os dois presos já possuem antecedentes criminais. Jonata tem uma extensa ficha por passagens anteriores e já responde por crimes por roubos, furtos, tráfico, receptação e estava em regime semiaberto.

O delegado Vinícius Zamó comentou que a dupla tm por especialidade o furto de celulares. "É um pessoal que já vinha atuando com este tipo de crime já há algum tempo e estavam agindo na região", disse.

Conforme os autos os acusados teriam afirmado que queriam furtar uma loja em Batatais (SP) o que não ocorreu por eles acharem que haveria risco de serem presos, e isso os motivou virem para Paraíso.

Há um ano Jonata furtou nas Casas Pernambucanas de Ribeirão Preto (SP) de onde foram subtraídos mais de 100 aparelhos de telefone celular. Das Casas Bahia de Paraíso apenas um telefone Sansumg foi levado e acabou recuperado.

A dupla entrou na loja após terem arrombado a porta dos fundos. Junto com eles foi apreendida uma mochila contendo algumas pequenas ferramentas e lanterna, utilizadas para a invasão no estabelecimento.

Jonata e Deivisson são naturais de Uberaba (MG), onde residem. Presos em flagrante, inicialmente eles passaram pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para exame de corpo delito e depois foram encaminhados para o plantão da Delegacia Regional da Policia Civil onde foram ouvidos. Em seguida eles foram levados para o presídio de São Sebastião do Paraíso.