ACUSADO

Preso acusado de roubar loja em Paraíso

Por: João Oliveira | Categoria: Polícia | 15-09-2019 14:12 | 334
Simulacro de pistola utilizada em assalto foi apreendida e autor foi preso
Simulacro de pistola utilizada em assalto foi apreendida e autor foi preso Foto de Divulgação

Um trabalho conjunto entre policiais militares de São Sebastião do Paraíso e São Tomás de Aquino resultou na prisão de um homem de 34 anos. J.C.R.L. é acusado de ser o autor de um roubo em uma loja de roupas e acessórios no bairro Nossa Senhora Aparecida, no início da tarde de quarta-feira (11/9). Após a ação o suspeito fugiu em direção à Vila Lobato onde houve buscas dos policiais, mas ele acabou sendo preso em São Tomás, onde tem residência. Havia um mandado de prisão em aberto contra JCRL.

A ocorrência teve início por volta das 13h55, segundo a PM, depois que um rapaz invadiu um estabelecimento comercial localizado na rua Tenente José Joaquim esquina com o Largo Santo Antonio e anunciou o roubo.

Segundo uma das vítimas que estava no local o rapaz portava uma arma de fogo tipo pistola e o carregador. A vendedora coagida entregou a quantia de R$ 219,00 e seu telefone celular um Motorola Moto G7 Plus. Após pegar os pertences da mulher o acusado teria evadido em direção a Vila Lobato.

Acionada a PM mobilizou viaturas e saiu em rastreamento à procura da localização do acusado. Imagens de câmeras de segurança chegaram a ser requisitadas na região onde houve o assalto o que possibilitou a identificação do autor.

Conforme informações levantadas, foi possível chegar à autoria do delito como sendo J.C.R.L. 34 anos, desocupado, que reside em São Tomas de Aquino. Ainda durante as buscas a polícia obteve informações de que o acusado teria sido visto pedindo carona na rodovia Pedro Cerize (LMG-836) que dá acesso a São Tomás.

Guarnições deslocaram-se até a residência do suspeito onde foi localizado.  Ao verificar o Sistema de Consulta Informatizado do Setor de Segurança Pública, foi constatado haver contra o preso um mandado de prisão em aberto, sendo que J.C.R.L. acabou preso.

Durante as buscas realizadas no interior da residência, foi localizado um simulacro de arma de fogo. Ao ser questionado, o homem confessou ser o autor do crime em Paraíso e informou que o celular roubado já havia sido vendido. O homem foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia.