SÃOSINHA

Divagando

Por: Conceição Ferreira Borges | Categoria: Entretenimento | 24-09-2019 14:40 | 588
Foto de Reprodução

A Academia Paraisense de Cultura realizou em sua bonita sede, na noite de 4 de setembro, o lançamento do novo livro de poesias “Divagando”, da poetisa acadêmica Bernadete Aguiar, cerimônia conduzida pela acadêmica Eneida de Pádua.

“Divagar entre as palavras, entre o tempo, o espaço e a vida escondida na alma dos poetas e leitores é o motivo desse encontro”.

A mesa foi composta pelos acadêmicos, presidente André Luiz Mirhib Cruvinel, vice-presidente Leila Yunes, secretário Clarindo Anacleto de Pádua Neto, e a homenageada, poetisa acadêmica Bernadete Aguiar.

O Hino da Academia foi cantado, sendo acompanhado ao piano pela maestrina, acadêmica Mirian Lauria Mantovani. Mensagem exordial pelo acadêmico Reynaldo Formaggio Filho,  homenageou Berna-dete Aguiar.

O prefácio de “Divagando”, escrito pela poetisa acadêmica Dalila Mirhib Cruvinel, foi lido por ela naquela noite de festa, e a abertura oficial da solenidade feita pelo presidente André Luiz Mirhib Cruvinel.

Convidada pela cerimonialista, Bernadete Aguiar falou com carinho, beleza e sensibilidade sobre “Divagando”, seu oitavo livro de poesias. São emoções transformadas em rimas.

A presidente do Lions Clube, acadêmica musicista, Edyna Maldi Borges declamou “Ausência”, do livro “Divagando”. O jornalista, acadêmico Nelson de Paula Duarte cantou a melodia “Amigo”, escolhida por Bernadete. A artista plástica, acadêmica Pascoalina Coelho Souza (Linah Biasi), declamou a poesia “Rotina”, que também faz parte do livro lançado naquela noite.

A acadêmica Roselisa Dramis Tubaldi cantou lindamente “Granada”. A vice-presidente, acadêmica Leila Yunes declamou “O bom humor”, e o acadêmico poeta e musicista Bruno Felix apresentou Walking Blues.

Com o Projeto Conhecendo a APC, alunos de escolas que participam, se entusiasmam pala nossa cultura. Artur Nicolau Azevedo, aluno da Escola Municipal “Interventor Noraldino Lima” foi convidado a ler a poesia “Cantinho da Cultura.

As bailarinas Camila e Thaislene do Espaço de Dança Ayuni de Zilmah Monteiro se apresentaram com a dança do ventre. Bernadete Aguiar declamou seu poema “Desejo”:

Quero caminhar por toda parte feliz

Gostar das pessoas sem distinção

Quero o ser humano generoso

Para que todos vivam com paixão

O presidente André Mirhib Cruvinel encerrou a bela noite de poesias, arte, beleza e cultura. Em seguida houve sessão de autógrafos e coquetel.