TRANSPORTE COLETIVO

Viação Leopoldinense assumirá o transporte coletivo de Paraíso

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Cidades | 18-01-2020 12:42 | 1134
Ônibus da Leopoldinese deverão chegar à cidade nos próximos dias para assumir o transporte coletivo da cidade
Ônibus da Leopoldinese deverão chegar à cidade nos próximos dias para assumir o transporte coletivo da cidade Foto de Reprodução

A Viação Leopoldinense Ltda, de Leopoldina (MG) foi a vencedora do Chamamento Público realizado pela Prefeitura de São Sebastião do Paraíso para realizar o serviço de transporte público coletivo da cidade. A empresa deverá assumir o serviço nos próximos dias por um prazo de seis meses prorrogáveis por igual período.

"A expectativa é de que haja uma prestação de serviço de melhor qualidade para a população, ate que seja realizado e concluído o processo de licitação definitivo que está sendo preparado", explica o secretário municipal de Segurança Pública, Transito e Transportes, Miguel Félix de Souza.

O aviso de Chamamento Público para contratação de empresa que será a responsável pelo transporte coletivo urbano e rural do município foi publicado no Diário Oficial da União, em 16 de dezembro de 2019. Após o encerramento do prazo em 27 de dezembro apenas uma empresa, a Viação Leopoldinense habilitou-se para o processo. Após a análise documental e trâmite de todo o processo, ela foi declarada vencedora e apta para a prestação do serviço.

Conforme o secretário de Transporte, Miguel Félix, a empresa deverá assumir o serviço nos próximos dias. "A Leopoldinense foi a única empresa que se apresentou e venceu de maneira legal e já deverá assumir o serviço em breve", anuncia o secretário. Com isso os ônibus da Viação Cidade dos Ipês operados pela JN Transportes deverão deixar de circular nos próximos dias.

"Por descumprimento de normas eles nem puderam participar deste chamamento. A expectativa é de que com a nova empresa tenhamos uma melhor prestação de serviço com mais qualidade aos usuários e que atenda melhor a toda comunidade", disse.

Miguel informou ainda que também nas próximas semanas será conhecido o nome da empresa a ser contratada pelo Município para realizar um estudo e projeto referente à estruturação do Sistema Integrado de Transporte Público Coletivo de Passageiros em Paraíso. A empresa selecionada deverá elaborar projeto que resultará em uma minuta de edital, minuta de contrato e acompanhamento de procedimento licitatório. "Tudo isso irá embasar a licitação que será realizada atendendo a recomendação do Ministério Público", acrescenta o secretário.

O levantamento deverá levar em consideração as novas linhas, os novos bairros e trajetos bem como outros detalhes que envolvem o sistema de transporte público coletivo do município.

"Há uma série de fatores a serem observados, como os trajetos, novos ônibus a serem oferecidos, tudo isso será priorizado neste estudo", diz. Miguel acredita que o prazo para a conclusão deste serviço deva ficar em torno de 60 dias.

O atual Sistema de Transporte Coletivo Público de Passageiros de Paraíso é composto por sete linhas urbanas e duas linhas rurais. Segundo estimativas apresentadas o Lote Urbano transporta em média 101.953 passageiros ao mês, dos quais 89.705 pagam efetivamente a tarifa.

O serviço possui uma frota de 12 ônibus, incluídos dois veículos reservas. Já o Lote Rural tem cerca de 7.200 passageiros ao mês, e todos pagam a tarifa integral. A frota total é de apenas três ônibus, sendo um reserva operacional. A tarifa custa R$ 3,45 na cidade desde 1º de agosto do ano passado, enquanto que na linha rural, o valor é de R$ 5,75.

Veículos da Viação Cidade dos Ipês deixará de circular em Paraíso nos próximos dias