POESIA

Soneto ao Atrium

Por: Redação | Categoria: Cultura | 15-02-2020 09:43 | 396
Foto de Reprodução

Paraíso recebe hoje uma Estrela
Que reflete no seio divina chama
Irradia amor e a todos conclama
Aos saberes secretos que a poucos revela

O olhar curioso nada desvenda
Ao buscador sincero está preparado
Em face dos Mestres do nosso passado
Um lugar de aprendiz na sagrada senda

Desejosos apenas da Paz Profunda
Da essência Cósmica que nos anima
Nasce aqui mais um ponto de luz

Lançada a semente em terra fecunda
Assim embaixo como acima
É fundado um Atrium da Rosacruz

(Escrito por Bruno Félix, em homenagem à primeira Convocação Ritualística do recém fundado Atrium Rosacruz São Sebastião do Paraíso, que realizará seus trabalhos ritualísticos na sede da Academia Paraisense de Cultura)