DENGUE

Com diminuição das chuvas, aumentam casos de dengue em Paraíso

Por: João Oliveira | Categoria: Saúde | 14-03-2020 00:31 | 417
Foto de Reprodução

A diminuição das chuvas e o aumento do calor têm propiciado em São Sebastião do Paraíso as condições ideais para o aumento dos casos positivos de dengue. Os números revelam que os casos estão espalhados não apenas na cidade, como também na zona rural e distrito de Guardinha. Neste sábado, Vigilância em Saúde deve realizar ação com agentes da epidemiologia para frear os casos no distrito.

De acordo com os novos números, das 79 notificações, 13 casos deram positivos, 33 negativos e 11 casos foram descartados. Os casos já foram registrados nos bairros Cidade Industrial, Coolapa, Jardim Independência, São José, Planalto, Jardim Europa, Diamantina, Vila Mariana, Sassafraz e, mais recente, nos bairros Jardim Ouro Verde, no Condomínio Cachoeira e no distrito de Guardinha.

Conforme a coordenadora da Vigilância em Saúde, Daniela Cortez, é importante que a população esteja atenta aos quintais, onde tem sido registrado o maior número de focos. Ela alerta também para que a população se atente a banheiros em não são muito usados, uma vez que agentes já chegaram a encontrar larvas em vasos sanitários. "Estamos percebendo um aumento grande. A chuva parou e o mosquito está vindo com força total. Iremos realizar ações na Guardinha, onde percebemos um aumento dos focos. Os agentes de endemia irão passar veneno, eliminar os focos e estamos programando um mutirão de limpeza para aquele local", destacou.

Ela ressalta que descarte de lixo ainda tem sido a grande preocupação, vez que os focos têm se concentrado nesses materiais como tampas de refrigerantes, copos descartáveis, brinquedos velhos e até cascas de ovo. "A população precisa estar atenta", acrescenta. Em relação à avenida João Pereira, onde tem havido muita reclamação sobre descarte irregular de lixo, a coordenador destaca:

"Estamos trabalhando na autuação dos proprietários dos terrenos, tanto aqueles que estão sujos por conta do mato, quando por conta do lixo - se estão jogando lixo, é preciso que o proprietário tome providência, como construir um muro por exemplo. Quem tem um terreno precisa tomar cuidado. Estamos também tomando conta das nossas áreas verdes, fazendo limpezas e cuidando para não tenha problema", completa.