LUTAS 2020

Bianca Siqueira inicia temporada de lutas em 2020 de olho nas grandes competições

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Esporte | 16-03-2020 15:17 | 399
Bia Siqueira foi campeã da categoria na Copa Mogiana de Judô em Ribeirão Preto
Bia Siqueira foi campeã da categoria na Copa Mogiana de Judô em Ribeirão Preto Foto de Arquivo

A atleta Bianca Siqueira, de São Sebastião do Paraíso, iniciou a  temporada de lutas de 2020. No dia 8 de março, ela participou do 7º Open de Abertura da 12º Mogiana da Federação Paulista de Judô, realizada no Ipanema Clube, em Ribeirão Preto (SP). Conforme os organizadores a competição reuniu cerca de 60 entidades e cerca de mil atletas do interior do Estado de São Paulo e Sul de Minas Gerais. "O maior desafio é que sou mais voltada para o jiu jitsu, mas consegui me sobressair bem e já estou me preparando para os campeonatos que vão ocorrer neste ano", comenta.

A realização do Open é utilizada por vários atletas para dar início às atividades do ano. É uma competição que serve como preparação para outras disputas que vão ocorrer ao longo do período. Um exemplo é a Copa São Paulo realizada em São Bernardo do Campo e é considerado um torneio classificatório para a fase final do Campeonato Paulista. A disputa ainda soma pontos para o Ranking Nacional.

De acordo com Bia Siqueira a participação nas disputas em Ribeirão Preto foi mais do que satisfatória e terminou com resultado amplamente positivo. "Fiz três lutas e venci todas por ippon, então fiquei muito contente com este começo", comenta. Como a temporada de lutas está apenas iniciando ela não se iluda porque sabe que virão muitos outros difíceis combates pela frente. "Isso é apenas o começo, vão surgir mais desafios. Vou treinar bastante e me dedicar para alcançar os meus objetivos", acrescenta.

Arrecadação - Já ciente de tudo que vai enfrentar na temporada e já se preparando para as grandes competições de 2020 Bianca Siqueira pretende repetir uma fórmula que utilizou ano passado e que a ajudou bastante a bancar as inscrições, viagens e demais despesas.

Sempre em busca de apoios e patrocínios a jovem atleta também recorre às rifas e ações entre amigos para angariar fundos. "Já estou organizando a primeira deste ano. Quem quiser participar já sabe como me encontrar através das redes sociais", anuncia. Ela sabe da importância de tudo que é arrecadado e vai tentar retribuir lutando por cada vitória nas disputas em que participar.