HOMICÍDIO

Pedreiro é vítima de homicídio no Cristo Rei

Por: Redação | Categoria: Polícia | 25-05-2020 10:45 | 4302
Foto de Reprodução

Um homem, de 53 anos, foi vítima de homicídio na noite de domingo (24/5), no bairro Cristo Rei em São Sebastião do Paraíso, após uma mulher, de 32 anos, ter o golpeado. Próximo ao corpo havia uma tesoura e um canivete.

O pedreiro Pedro Marques de Medeiros foi encontrado sem vida no corredor da sua residência, logo após a mulher ser abordada em frente a uma igreja com as mãos sujas de sangue, alegando que havia matado seu pai. No entanto, não havia relação de parentesco entre os dois. A mulher foi presa em flagrante e encaminhada para o presídio após ser ouvida pela Polícia Civil.

De acordo com o delegado Vinícius Zamó, o inquérito foi concluído e encaminhado para a justiça. Segundo ele, a autora não colaborou com as investigações, e não foi possível apurar os motivos que levaram ao crime. Ela não tinha antecedentes criminais e não foi comprovada relação nenhuma de parentesco com a vítima. Entretanto, à polícia o irmão da vítima teria alegado que os dois viviam juntos há cerca de um ano.

Segundo a PM, testemunhas relataram que eram frequentes brigas entre a suspeita e a vítima, aparentemente sob efeito de bebidas alcoólicas ou entorpecentes. Um dia antes a PM teria se deslocado ao local, onde foi registrado um boletim de ocorrência.

As testemunhas, ela não falava nada que fizesse sentido, entre elas que era Pabllo Vittar, mencionava o demônio e o cantor Léo Santana.

No local onde aconteceu o crime, a porta foi arrombada, tendo a vítima sido localizada num corredor lateral externo, já sem sinais vitais. O Samu foi acionado onde atestou o óbito. A vítima havia sofrido golpes na região cervical e no peito. A mulher foi presa em flagrante.

O pedreiro Pedro Marques de Medeiros deve ser sepultado na tarde desta segunda-feira.