95 CASOS

Paraíso chega a 95 casos confirmados de dengue

Por: João Oliveira | Categoria: Saúde | 06-06-2020 20:37 | 631
Foto de Reprodução

Em São Sebastião do Paraíso já estão confirmados 95 casos de dengue, entre os quais uma pessoa permanece internada na UTI por complicações da doença. No município foi identificado a dengue do tipo 2, que tem preocupado ainda mais a Vigilância em Saúde, que pede apoio à população no combate à doença..

Na última semana, três pessoas foram internadas com sintomas da dengue grave, porém duas já receberam alta e estão em casa. Ao todo, 273 casos prováveis (notificados + confirmados) foram registrados no município, dos quais 78 deram negativo e 13 foram descartados.

Conforme divulgado pela coordenação da Vigilância em Saúde, grande parte dos casos tem sido registrado  em Guardinha e nos bairros Jardim das Hortência e Belvedere, porém já foram notificados casos em diversos bairros na cidade, entre eles Cidade Industrial, Centro, São Judas, Vila Santa Maria, Coolapa, Jardim Independência, Riviera, São José, Jardim Planalto, Sassafrás, Jardim Europa, Diamantina, Vila Mariana, Vila Formosa, São Francisco, Mocoquinha, Lagoinha, Vila Alza, Vila Dalva, Santa Tereza, Veneza, Jardim Acapulco, São Sebastião e Condomínio Cachoeira.

A Vigilância em Saúde tem orientado a população, neste momento de pandemia, a ficar atenta aos quintais e locais que podem acumular água, tendo em vista, principalmente, a identificação do novo tipo da doença registrado do município. Devido aos atos normativos por decorrência do coronavírus, os agentes só estão visitando quintais onde o acesso não precisa ser pela residência do morador, e também ações em lotes vagos.

ORIENTAÇÕES
Conforme orienta a Vigilância em Saúde, entre a ações, a população precisa:

- ter cuidado no armazenamento e destinação do lixo, mantendo-o em recipiente fechado e disponibilizando-o para recolhimento pela Limpeza Urbana na frequência usual;

- não descartar o lixo ou qualquer outro material que possa acumular água no quintal de casa, no quintal de vizinhos, na rua ou em lotes vagos;

- verificar a caixa d´água sempre limpa e totalmente tampada e se as calhas estão livres de entupimentos para evitar represamento de água;

- eliminar os pratinhos de vasos de plantas; caso não seja possível, mantê-los limpos e escovados pelo menos três vezes ao dia;

- manter limpos e escovados os bebedouros de animais domésticos; a água deve ser trocada diariamente;

- manter piscinas sempre em uso e devidamente tratadas;

- e caso perceba a manifestação de qualquer sintoma de dengue ou febre Chikungunya, procurar imediatamente o centro de saúde mais próximo.