DESGOVERNADO

Caminhão desgovernado atinge muro e quebra poste em Paraíso

Local ficou danificado após a colisão provocada por caminhão boiadeiro  
Por: Roberto Nogueira | Categoria: Acidente | 09-06-2020 12:00 | 3158
 Caminhão desgovernado atinge muro, quebra poste e foi parar 200 metros do local do acidente
Caminhão desgovernado atinge muro, quebra poste e foi parar 200 metros do local do acidente Foto de Roberto Nogueira

Um acidente registrado na manhã desta terça-feira (9/6), entre os bairros Vila Mariana e Rosa do Carmo quase termina em tragédia em São Sebastião do Paraíso. O caso ocorreu na rua Domingos Torquato Nascimento, onde um caminhão boiadeiro estava estacionado e quando o condutor se preparava para sair, o veículo perdeu o freio, e desgovernado desceu de ré. Um poste de iluminação pública e um muro foram destruídos, mas ninguém se feriu.

A ocorrência segundo testemunhas teria ocorrido por volta das 9h40. Segundo informações o motorista do caminhão boiadeiro estava se preparando para deixar o local. O condutor chegou a descer da cabine do veículo para fazer uma verificação externa. Repentinamente o caminhão começou a descer a rua de ré, sem que ninguém estivesse ao volante.

Moradores das imediações confirmaram terem ouvido um estrondo com o impacto da batida da carroceria do caminhão que atingiu inicialmente um poste de iluminação pública. Embalado o veículo subiu na calçada e continuou o percurso atingindo um muro de uma propriedade rural. Ainda desgovernado o caminhão continuou a descida de uma pequena ladeira atravessou uma valeta e percorreu cerca de 200 metros de área de pastagem e somente foi parar numa área de brejo.

Apesar do susto nenhuma pessoa se feriu. Uma moradora das imediações dava graças a Deus já que no local e imediações é comum ver crianças brincando e naquele momento não havia nenhuma.

A Polícia Militar foi acionada para registrar a ocorrência e confirmou ter havido “felizmente” apenas danos materiais. Funcionários de uma empresa terceirizada da Cemig também compareceram no local e providenciaram a retirada dos cabos de eletricidade e também faria o desligamento da energia no trecho para evitar que qualquer pessoa pudesse tocar o material que ainda estava energizado.

Segundo informações será necessária a utilização de uma máquina para remover o caminhão que só conseguiu parar em um brejo. Parte da traseira do caminhão boiadeiro ficou danificada com as colisões contra o poste e o muro.