DESCARTE IRREGULAR

Denúncia aponta para descarte irregular de entulhos em Paraíso

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Cidades | 14-06-2020 08:20 | 766
Foto de Divulgação

Várias fotos foram enviadas nesta semana para o Jornal do Sudoeste denunciando o descarte irregular de entulhos em São Sebastião do Paraíso. Um dos casos foi registrado na Rua Zoroastro Bícego, localizada entre os bairros Jardim Coolapa, Loteamento Vila Nova e Residencial San Genaro. Conforme o material recebido pela reportagem no local houve o lançamento de diversos materiais que foram retirados de uma obra e também foi possível encontrar até mesmo carcaça de aparelho de televisão entre outros objetos.

Embora a situação tenha chegado à redação do “JS” somente nesta semana as imagens revelam que o material foi lançado no local, há alguns dias. Parte do entulho está sendo coberto pela crescente vegetação que cobre os restos de construção, como pedaços de blocos e madeiras, tijolos, telhas, azulejos, areia além de restos de massa de cimento. O descarte foi realizado em uma área verde de preservação permanente onde existe o plantio de várias árvores.

Detalhe que chama atenção é que nas imediações podem ser encontrados diversos objetos, inclusive lixo eletrônico, como um aparelho de televisão. Próximo ao canal que corta a região pode ser observada a presença de balde, sapatos, tênis, roupas, garrafas de vidro, copos plásticos e utensílios domésticos. Dentro do processo natural, segundo pesquisas, uma tampa de garrafa pode levar até 15 anos para se decompor, enquanto que uma lata de alumínio cerveja ou refrigerante leva cerca de 200 anos.

Conforme a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMAM) desde o início da atual administração tem sido realizadas ações e campanhas nas escolas e junto a comunidade no sentido de se promover o descarte correto do lixo, do entulho e materiais recicláveis. Junto com a Secretaria Municipal de Obras a SEMAM tem trabalhado em parceria para a limpeza e manutenção de áreas públicas. Para situações como a registrada, a orientação é para que em caso de haver restos de construção, que os mesmos sejam colocados em caçambas. Para móveis velhos, a pessoa pode acionar o serviço de “Cata Móvel” da Prefeitura, que retira o equipamento no endereço indicado e destina para o descarte correto.

         Também existe a indicação para o encaminhamento dos resíduos na cidade. Quanto aos restos de construção civil e materiais volumosos, devem ser destinados ao Depósito de Resíduos de Construção Civil. O atendimento é feito na Rua José Honório dos Santos, nº 165, Alto Bela Vista, com o telefone 3558-5972.

Se o material for proveniente de podas, os resíduos devem ser destinados ao Parque Municipal Águas da Serrinha, localizado na Rodovia BR-265 saída para Ribeirão Preto. Em caso de flagrante de descarte irregular de material, o fato pode ser denunciado na Secretaria Municipal de Meio Ambiente pelo telefone 3531-5488 ou 3531-6665.