PREMIO DE GESTÃO ESCOLAR

Práticas escolares exitosas realizadas na fase de isolamento serão premiadas

Por: Redação | Categoria: Educação | 24-06-2020 00:34 | 401
Podem participar representantes de escolas regulares de educação básica pública da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio
Podem participar representantes de escolas regulares de educação básica pública da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Foto de Divulgação

Gestores e professores de escolas regulares de educação básica pública de qualquer etapa, da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio já podem se inscrever no Prêmio de Gestão Escolar 2020. O objetivo é o de reconhecer práticas exitosas realizadas pelas escolas neste momento de isolamento social e que foi lançado há uma semana.  A iniciativa, que é realizada pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed); a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime); o Ministério da Educação (MEC); e a Organização dos Estados Ibero-americanos (OEI), recebe inscrições até o dia 15 de agosto.

Conforme informações divulgadas pelos organizadores serão premiadas as equipes escolares. Cada formação deverá ser composta por um gestor, um coordenador e quatro professores. O time deverá ter por missão conseguir transformar o momento de apreensão em soluções criativas e inovadoras de forma colaborativa e conjunta para manter o clima educacional, apesar do afastamento social.

Poderão se inscrever gestores e professores de escolas regulares de educação básica pública de qualquer etapa: educação infantil, ensino fundamental e ensino médio. Para participar, a equipe escolar deve preencher o cadastro da escola no site www.premiogestaoescolar. com.br . Todo o processo de inscrição deverá ser realizado exclusivamente por meio eletrônico, inclusive na submissão de documentos.

Avaliação
As escolas inscritas serão avaliadas com notas de zero a 100 pelo respectivo Comitê Estadual, que seguirá os critérios de seleção constantes no regulamento do PGE. Cada Comitê Estadual será responsável por selecionar três escolas, somando 81 escolas por estado, e deverá encaminhar as indicações para o Comitê Nacional. Dentre as três escolas selecionadas em cada estado, uma deverá ser indicada como "escola de referência estadual".

O PGE conta com parceiros e apoiadores como a Bett Brasil, Conselho Britânico, ConsisTI, Fundação Itaú Social, Fundação Itaú para Educação e Cultura, Fundação Roberto Marinho, Fundação Santillana, Instituto Natura, MEC, UNESCO, UNICEF e Univesp.

De acordo com o cronograma da iniciativa, no período de 15 a 31 de agosto deverão ser formados os Comitês Estaduais de Avaliação e realizada a reunião técnica com os coordenadores. Já a avaliação das inscrições pelos Comitês e a seleção das 81 escolas indicadas pelos estados e Distrito Federal acontecerão de 01 a 30 de setembro.

De 01 a 15 de outubro acontecerá a avaliação do Comitê Nacional, que deverá selecionar as 27 escolas referência estadual. De 15 a 30 do mesmo mês, serão selecionadas as cinco escolas finalistas da etapa regional. No dia 30 de outubro será feita a divulgação das cinco escolas finalistas. Já no período de 1 a 20 de novembro serão realizadas as visitas técnicas às cinco escolas finalistas com a validação e produção de relatórios técnicos e votação pela Coordenação Nacional do PGE. A escola "Referência Brasil" será conhecida no dia 10 de dezembro, durante a cerimônia de premiação.