PRESIDENTES

Marcelo Morais passa a integrar galeria de Presidentes da Câmara Municipal

Por: João Oliveira | Categoria: Política | 08-07-2020 09:02 | 778
Após ter ocupado a cadeira de presidente da Câmara, Marcelo Morais tem foto incluída na galeria de
Após ter ocupado a cadeira de presidente da Câmara, Marcelo Morais tem foto incluída na galeria de Foto de ASSCAM

O vereador Marcelo de Morais, que presidiu a Câmara Municipal de São Sebastião do Paraíso entre o biênio de 2017 a 2018, antecedendo o atual presidente, Lisandro José Monteiro, em cerimônia  simples durante a sessão extraordinária,  segunda-feira (6/7), teve sua fotografia incluída na galeria de presidentes da Casa.

Morais agradeceu aos pares pela honra de integrar a galeria como o 85º presidente da Câmara e destacou que durante os dois anos à frente da Casa Legislativa, tudo o que foi realizado só foi possível graças a conduta dos seus colegas vereadores. “Isso me traz uma alegria muito grande, porque se olharmos para trás, e tudo o que foi feito, faz com que as pessoas tenham uma mudança de cultura para os próximos 10, 15, 30 anos. A semente foi plantada”, ressalta.

O vereador ressalta que a presidência nada mais é do que um instrumento de condução dos trabalhos da Casa Legislativa, que por ser número par de cadeira, não dá condições ao presidente de desempatar votações, mas que situação está sendo estudada para atualização da Lei Orgânica do município. “Só consegui conduzir os trabalhos, mediante aos trabalhos de todos vocês, a quem sou grato, e também aos funcionários da Casa, aos novos funcionários, e aos que passaram por aqui”, apontou.

Marcelo destaca que sua foto vem ao encontro a um ato quando ele ainda era presidente e foi procurado pelo ex-vereador e relator Lei Orgânica original, José Maria Malaguti, que destacou que há 30 anos guardava aquele documento datilografado. “Ele me disse que durante todo esse tempo foi o guardião dessa lei e, muito humildemente, disse que vinha procurando um vereador que realmente exercesse o seu cargo para repassar a Lei Orgânica original, para que ele pudesse ser o guardião pelo tempo que achasse prudente e pudesse buscar nos próximos anos que o novo guardião”.

Morais não esconde o orgulho de ter recebido essa incumbência e destaca que a atitude do ex-vereador e relator da Lei Orgânica do município apenas leva a crer que todo o trabalho que ele realizou ao longo de sua gestão valeu a pena. “Tenho que agradecer a toda a imprensa que sempre cobriu os trabalhos da Câmara, e todos os servidores que sempre exerceram suas funções com brilhantismo. Sou muito grato por esse reconhecimento e por fazer parte desta galeria a partir de agora”, completa.