INSS

INSS terá atendimento apenas para quem fez agendamento em Paraíso

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Cidades | 14-09-2020 09:37 | 419
Foto de Reprodução

Depois de vários adiamentos consecutivos, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pretende realizar a reabertura das agências em todo o país, de forma gradativa, na próxima segunda-feira,14. Para este primeiro momento o atendimento será destinado somente para os segurados que fizeram o agendamento através do site Meu INSS, através do aplicativo ou pelo telefone 135. Segundo a assessoria de imprensa do Instituto, ainda não é certa a reabertura da agência de São Sebastião do Paraíso neste primeiro momento.

O INSS informa que nos locais onde houver o atendimento já nesta segunda-feira,14, estarão disponíveis para atendimento presencial os serviços de perícia médica, avaliação social, cumprimento de exigência, justificação administrativa e reabilitação profissional. Segurados sem agendamento não serão atendidos, para que se evite aglomerações dentro e fora das agências, de acordo com orientações do Ministério da Saúde.

Uma comissão de médicos peritos foi formada pela Subsecretaria de Perícia Médica Federal e iniciou, na terça-feira, 8, os trabalhos de inspeção em todas as agências listadas pelo INSS como aptas a fazer parte da primeira fase de reabertura. No exame são avaliados os processos de readequação para evitar o contágio pela Covid-19. As agências passaram por modificações e receberam itens de segurança e equipamentos de proteção para os funcionários. Das 1.110 agências do instituto em todo o Brasil, cerca de 500 estão em um estágio mais avançado de adequações e poderão passar pela vistoria. O resultado deverá sair até o fim da semana.

Ainda de acordo com a Associação Nacional dos Peritos Médicos Federais (ANMP), além das adequações físicas, o trabalho dos médicos peritos também depende do funcionamento de técnicos e outros funcionários dentro das unidades, o que pode não ocorrer devido ao início da greve deflagrada pelos servidores do INSS. Sem a presença do corpo técnico não é garantida a realização de perícias médicas, por exemplo.

Conforme a assessoria do INSS, haverá uma reabertura "gradual e segura", considerando as especificidades de cada agência, como o perfil do quadro de servidores, o volume de atendimentos realizados, a organização do espaço físico e as medidas de limpeza. A suspensão do atendimento nas unidades ocorreu em março deste ano, em razão da pandemia da Covid-19. Desde então, o instituto e o Ministério da Economia vêm prorrogando o atendimento remoto.