GILBERTO AMARAL

Negros e brancos

Por: Gilberto Amaral | Categoria: Brasil | 25-11-2020 01:49 | 895
Lourdes de Souza
Lourdes de Souza Foto de Reprodução

Negros e brancos
Esta palavra racismo é uma demonstração americana das mais nojentas, infame criada nos Estados Unidos e que de uns tempos para cá começou a virar moda no Brasil, terra da Princesa Isabel, que acabou com a escravidão.

É 8 ou 80
Desrespeitou um preto, pena de morte ao vivo, isto é, em plena Esplanada, tendo como testemunha Deus (a Catedral Metropolitana), os parlamentares, os ministros e o povão. Já ia me esquecendo: com banda de música e foguetório.

Leite de mãe
Minha mãe de leite, Lourdes de Souza (foto), que está viva e mora lá em São Sebastião do Paraíso, é negra. Mamei muito o seu colostro, que está me fazendo viver 86 anos.

Coroas
Não é só a monarquia que é coroada para os grandes acontecimentos em palácios, aos reis e rainhas.

Reis Congos
Moçambiqueiros, caciques também são coroados. Os mortos recebem coroas de flores para que não cheguem de mãos vazias se tiverem a sorte de irem para o céu.

Viva Joe Biden!
Em novembro celebra-se, na última quinta-feira, um dos feriados americanos mais importantes, o Dia de Ação de Graças. Depois do último pleito o calendário ganhou mais um reforço e ficará marcado também pela renovação da democracia e pelo aniversário de nascimento do presidente eleito, Joe Biden (foto). Ele, que no último dia 7 venceu as eleições presidenciais dos EUA, comemora hoje seus 78 anos recebendo incontáveis cumprimentos vindos de todos os cantos do mundo, e já pensando nos preparativos de sua mudança para a Casa Branca.

Brasil vai...
Depois de 16 anos, o Brasil voltará a ser presidente do grupo das 20 maiores economias do globo. A última vez em que o país liderou o grupo foi em 2008, no auge da crise financeira internacional, que acabou por fortalecer o organismo multilateral e é, até hoje, considerado um marco em sua existência pela forma como lidou rapidamente e em conjunto com a turbulência.

...voltar a...
De acordo com o comunicado dos líderes do G20 divulgado no último domingo, o Brasil será o anfitrião do grupo na reunião anual de 2024. Atualmente, a presidência está com a Arábia Saudita - que pela primeira vez organizou o evento de forma virtual por causa da pandemia. O país passará o bastão para a Itália no próximo dia 1º.

...presidir o G20
Nos encontros de alto nível do G20, além de chefes de Estado e de governo, participam também as autoridades máximas de organismos multilaterais, como FMI, Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico e Banco Mundial, por exemplo.

Memórias
Gaúcha, que foi ainda menina para o Rio de Janeiro, a bela e querida colunista Maninha Barbosa (foto), casada há 45 anos com o empresário Leleco Barbosa, mãe de Ana Paula, Alexandre, André Luís, Artur e Dandynha, e líder do grupo de amigas Sis Alegres, está preparando um livro de boas recordações, que será lançado em 2021, intitulado “A gratidão e a memória do coração”. “Por causa da pandemia, tudo atrasou”, diz a querida nora de Chacrinha e dona Florinda Barbosa, que é uma das figuras mais admiradas no Rio e em várias capitais do país.

Em Santa Teresa
Construído em 1854, o Armazém São Joaquim, no Largo dos Guimarães, em Santa Teresa, foi alugado pela Sergio Castro Imóveis. No início do ano que vem seus novos responsáveis vão inaugurar, no local, um restaurante e uma pousada, que já foi fotografado pelo célebre Augusto Malta e retratado pelo artista plástico Emeric Mercier, entre outros. Claudio Castro, diretor da Sergio Castro Imóveis e presidente do Diário do Rio, celebrou a novidade: “Uma das maiores joias arquitetônicas de Santa Teresa, é um dos lugares mais charmosos do Rio de Janeiro”.

Então é Natal
Canções para um Natal de amor estreia amanhã, na Casa Julieta de Serpa. Dirigido por Carlos Alberto Serpa, com arranjos musicais de Cyrano Sales e a participação dos cantores, Deborah Marins e Leo Inglesias, o belo Natal in Concert terá início neste sábado, às 16h. A atração vai acontecer de quarta a domingo com reservas antecipadas.

Celebração dos...
Em maio de 2021, a Justiça do Trabalho completará 80 anos de existência. Para marcar a data, a presidência do Tribunal Superior do Trabalho e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho instituiu um comitê para planejar ações comemorativas desse marco histórico. “É uma data simbólica, que merece ser celebrada”, afirma a presidente do TST e do CSJT, ministra Maria Cristina Peduzzi (foto).

...80 anos da Justiça...
“Desde a criação da Justiça do Trabalho, em 1941, o mundo do trabalho mudou, e a nossa Justiça se aperfeiçoou, investindo em tecnologia para julgar de forma cada vez mais célere e para atender à sociedade com eficiência e transparência. Olhar para o passado nos ajuda a compreender o presente e a vislumbrar novas possibilidades para o futuro”, acrescentou Peduzzi.

...do Trabalho
Coordenado pelo ministro Ives Gandra Martins Filho (foto) e composto por servidores de diversas áreas do TST e do CSJT, o comitê propôs diversas atividades para celebrar a data. Entre elas, estão o “Seminário Internacional 80 anos de Justiça do Trabalho”, uma exposição temática e o lançamento de publicações especiais e de um calendário institucional comemorativo, além da realização da 2ª edição do Prêmio Justiça do Trabalho de Jornalismo.

RAICE

Chocolate, luxo e solidariedade
Zchocolat duplica os chocolates em cada compra durante a pandemia. O cliente pode escolher receber os chocolates ou doá-los à uma associação. Esta ação é adicionada à campanha já existente desde 2018 na qual cada chocolate vendido online, a maison doa um para hospitais. Agora é solidariedade em dose dupla! A chocolateria francesa trabalha apenas com 26 receitas, todas numeradas e desenvolvidas pelo maître chocolatier Pascal Caffet, M.O.F. e Melhor Chocolateiro do Mundo. Neste fim de ano, para quem quiser oferecer um presente gourmet e solidário: o coffret Impérial, numa majestosa caixa de madeira personalizada, contém a quintessência do chocolate francês. Para uma degustação romântica, o coffret vem com dois exemplares dos 14 chocolates finos da maison. Preço: 2.016 euros (cerca de 14 mil reais). Entrega no mundo inteiro, inclusive no Brasil. Prova que luxo e solidariedade tem tudo a ver.

Chile, um exemplo
No webinar “A guerra comercial destruirá a indústria vinícola francesa?” organizado pela Cité du Vin, o economista Jean-Marie Cardebat citou o exemplo chileno para inspirar a União Europeia. O desenvolvimento do setor de vinhos chileno é baseado em acordos bilaterais. Segundo o também professor da Universidade de Bordeaux, o Chile tem acordo de livre comércio assinado com mais de 40 países. “É necessário abandonar o sonho do livre comércio, a OMC já perdeu a esperança. Temos que partir para um mundo de acordos bilaterais”, concluiu.

Cheffe que faz a diferença
A renomada chef brasileira, Marina Stroh Ibri, especializada em cacau, abre sua charmosa loja, ao lado da Torre Eiffel, para empreendedoras brasileiras do setor da gastronomia na França. De 1º a 24 de dezembro, a La Brigaderie de Paris será transformada num “Pop-up store de Noël”, exclusivamente gourmand, eco responsável, solidário e feminino. Durante o primeiro lockdown francês, a paulista cozinhou cerca de 3 mil refeições num projeto solidário com Meet My Mama e Massimo Bottura, um dos maiores chefs do mundo, conhecido pela cozinha solidária do Reffectorio. Merci, Cheffe!

7 milhões o Johnnie Walker de Churchill
Uma pintura de Winston Churchill retratando o seu uísque favorito foi vendida no dia 17 por 983 mil libras esterlinas (quase 7 milhões de reais), num leilão organizado pela Sotheby’s. A venda superou a estimativa alta, de 250 mil libras esterlinas (cerca de 2 milhões de reais). A natureza morta ilustra a garrafa de Johnnie Walker Black Label ao lado de um conhaque, uma jarra e dois copos. A tela foi pintada na casa de campo Chartwell, sudeste da Inglaterra, na década de 1930 e simboliza o amor do ex-premiê britânico pela bebida. Segundo a Sotheby’s, Churchill bebia Johnnie Walker, de manhã, ao se levantar, com água com gás.

Chocolate
Colunista Maninha Barbosa
Ives Gandra Filho
Joe Biden
Maria Cristina Peduzzi
Uisque quadro