HISTORIADOR

Fotografia: Uma invenção brasileira?

Por: Redação | Categoria: Cultura | 07-12-2020 10:55 | 958
Foto de Reprodução

Sabe-se, mas a fotografia foi descoberta em 1832, no interior do Brasil. A façanha foi colocada em prática por Hercule Florence, integrante da expedição cientifica do barão de Langsdorff, chegada ao país em 1824. Florence viveu na Vila São Carlos (SP). Em 1830, diante da necessidade de um prelo, inventou seu próprio meio de impressão, que chamou polygraphie. Nos anos seguintes, começou a estudar a possibilidade de reproduzir imagens a partir da luz do sol, processo que denominou photografie.

Com a câmera escura feita em casa, nitrato de prata, zinco e amoníaco cáustico, conseguiu em 1833 capturar as primeiras imagens fotográficas em papel: um diploma da maçonaria e rótulos de farmácias.

Isolado dos avanços de seus conterrâneos europeus, não patenteou a invenção e a fama ficou com Louis Jacques Daguerre, que em 1837 criou o daguerreótipo.

As peças são do meu acervo: 1 – Da direita para esquerda; A) Essa peça é de 1930 (USA) com visor e elétrica – usada para selecionar as fotos ou descartar. B) Filmadora portátil (1,5kg) foi doada pelo meu colega Dr. Mauro Alves. C) Máquina fotográfica portátil (1932), doada pelo colega Dr. Marcos Milograna. 2 – Da direta para esquerda; A) Réplica de um projetor de cinema (1940). B) Máquina fotografia polaróide portátil, doada pelo amigo Marcoantonio Pereira da Silva (ex gerente do Supermercado Tonin). C) Máquina fotográfica (1940).

Abaixo, foto de Hercules Florence, aos 70 anos. 3 – Foto de Bill Gates e seu esconderijo subterrâneo para guardar seu riquíssimo acervo fotográfico. 4 – Fotógrafo com sua máquina lambe-lambe, usada para tirar fotos em praças e jardins.

Sebastião Pimenta Filho
Cronista – Historiador