APC

Eu penso assim

Por: Fernando de Miranda Jorge | Categoria: Cultura | 16-12-2020 01:24 | 557
Fernando de Miranda Jorge
Fernando de Miranda Jorge Foto de Divulgação

Meado de Dezembro/2020, 13.  Agora é hora de falar sobre você, eleitor, que votou e o seu candidato venceu o pleito, na esperança de que os sonhos de toda a população sejam concretizados. Principalmente naqueles que cumprem com suas promessas de campanha, dando um novo sentido para o voto, e agora, sim, podem vislumbrar novos horizontes para uma cidade melhor.

Você, eleitor, e a população geral esperam voltar a acreditar nos novos políticos, diante de outras esferas de governo, dando exemplos de seriedade nunca vistos, criando ânimo novo de uma gestão diferente. A vez do político “populista” parece estar acabando, graças à politização do eleitorado e das redes sociais, influenciando e prevendo o sucesso do novo processo político federal, estadual e municipal. Hoje, passamos a maior parte de nosso tempo conectados à Internet e muito gasto nas interações que as redes sociais nos proporcionam e, enfim, acabam nos influenciando e surtindo efeito na vida das pessoas.

Com isso, toda a relação de comunicação entre o povo, eleitor, está mudando tanto, que ficou ainda mais evidente diante do convívio com a pandemia. Os tradicionais políticos de carreira – o que não concordo, pois sou pela renovação e mudanças de cadeiras – perceberam essa mudança na comunicação e estão se atualizando, intera-gindo e engajando aqueles seus ainda ‘possíveis eleitores’ através de ações mais informais nas redes. O marketing eleito-reiro da propaganda e das promessas está ultrapassado.

“Não tem ninguém mais bobo, não”. As ferramentas, como vídeos no You-tube, Lives no Instagram e Posts no Facebook e Twitter chegam a um número maior de pessoas com mais facilidade e intimidade. 

Fernando de Miranda Jorge 
Acadêmico
Correspondente da APC
Jacuí/MG
fmjor31@gmail.com