CORONAVÍRUS

Vereador Márcio da Academia testa positivo para Covid-19 e vai para UTI

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Saúde | 29-12-2020 18:37 | 4900
Márcio Aurélio foi diplomado em ato solene realizado pela Justiça Eleitoral em 18 de dezembro
Márcio Aurélio foi diplomado em ato solene realizado pela Justiça Eleitoral em 18 de dezembro Foto de Divulgação

O vereador Márcio Aurélio de Carvalho (PL) recém-eleito para a Câmara Municipal de São Sebastião do Paraíso testou positivo para Covid-19. Ele encontra-se hospitalizado na Unidade de Tratamento Intensivo da Santa Casa de Misericórdia onde vem recebendo tratamento especializado para esta enfermidade. Em recente entrevista ao Jornal do Sudoeste, Márcio da Academia, como é conhecido falou de suas expectativas na política, mas caso não se recupere até 1º de janeiro de 2021, sua posse poderá ocorrer de forma on line, ou até mesmo ser adiada para outra data.

A notícia de que Márcio da Academia contraiu coronavírus surgiu na tarde de terça-feira,29, e foi confirmada pela reportagem. De acordo com as primeiras informações ele teria sentido os primeiros sintomas no final da manhã do dia anterior. Na oportunidade ele apresentava dificuldades respiratórias e cansaço físico entre outros sintomas de Covid-19, situação que fez com que a equipe médica o internasse e o transferisse para a UTI.

O vereador vem sendo assistido pela equipe médica do hospital que tem dado todo o apoio para o tratamento. Devido a baixa oxigenação Márcio recebeu um suporte de oxigênio. Também foram realizados alguns exames como uma ressonância que ajudou no diagnóstico. O paciente está consciente e teria manifestado o interesse em participar da sessão de posse mesmo que à distância. No entanto, a situação está sendo avaliada juridicamente e dependerá da manutenção ou evolução do seu estado de saúde. 

Mesmo com um quadro clínico estável de Márcio, mas que inspira cuidados, na Câmara Municipal já estão sendo realizados os últimos preparativos para a Solenidade de Posse e transmissão de cargos de prefeito, vice-prefeito e vereadores. O evento acontecerá na próxima sexta-feira, 1º de janeiro, às 11 horas na sede do Legislativo. A situação de Márcio da Academia, como hospitalizado já vem sendo tratada pelo cerimonial com duas possibilidades caso ele não possa comparecer pessoalmente. Uma das hipóteses seria uma posse on line, com transmissão direta do hospital, atendendo desejo do vereador eleito em participar da Sessão Solene. Outra alternativa será marcar uma nova data para que ele possa tomar posse em ato isolado. “Estamos consultando o nosso jurídico e também o da Santa Casa sobre esta transmissão. Vai depender do estado de saúde do Márcio. Ele já manifestou esta vontade de não estando presente, se possível fazer on line”, explica o presidente da Câmara Lisandro Monteiro.

Márcio da Academia foi eleito com 424 votos pelo Partido Liberal. Esta foi a segunda vez que ele concorreu a uma vaga no Legislativo. Em recente entrevista concedida ao Jornal do Sudoeste, Márcio Aurélio disse que entrou mais motivado na campanha deste ano, até mesmo em função das dificuldades enfrentadas como educador físico, em função da pandemia. "O resultado para mim, foi uma surpresa, eu já tinha desistido no momento em que estava acompanhando a apuração porque meu partido não tinha atingido o mínimo de votos para eleger um candidato", afirmou.

Dizendo-se muito feliz ressaltou que tem a oportunidade de fazer um trabalho histórico no momento em que o Município está prestes a completar 200 anos e esta legislatura marca o início de um novo tempo. "É o começo de um novo século: de oportunidade, de prosperidade, temos que oportunizar a educação, a qualificação profissional, principalmente àqueles que são arrimo de família. Outra preocupação é a população idosa, a criação de centros de convívio social, que chamo de "Acolhida". Há a questão da falta de empregos, de crianças que poderiam estar em casa, mas estão na creche ocupando vaga daquelas que o pai não pode ficar com ela. Enfim, há muita coisa a ser pensada e tenho muitos projetos para ser pensado", completa.

Surto
Em julho de 2.020, cerca de 50 pessoas que atuam na Câmara Municipal, entre funcionários e vereadores foram testados, sendo que 11 tiveram diagnóstico de coronavírus. Depois que os casos foram confirmados, o prédio do Legislativo foi fechado, passou por um processo de desinfecção e o local foi reaberto, somente em 2 de agosto. Durante o período eles foram mantidos isolados, em quarentena, sendo monitorados por integrantes da equipe de Atenção Básica em Saúde. Após novos testes todos foram liberados e não apresentavam sintomas da Covid-19, podendo retomar os trabalhos.