FEMAGRI

Femagri será realizada em formato virtual

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Agricultura | 20-01-2021 16:45 | 157
Foto de Reprodução

Em comunicado oficial divulgado no início da tarde de terça-feira,19, o presidente da Cooxupé (Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé), Carlos Augusto Rodrigues de Melo, anunciou que a Femagri e a Feira do Cerrado deste ano serão realizadas em formato virtual. A justificativa é a pandemia da Covid-19 que ainda está trazendo muitos desafios para diversos setores, como o isolamento e o distanciamento social. "A Cooxupé entende a necessidade de manter a saúde de todos em segurança e não está medindo esforços para isso", diz o comunicado.

Mesmo assim os organizadores apostam no formato virtual para manter a realização do evento possibilitando aos produtores rurais o acesso as informações e novidades do setor agropecuário. "Não haverá este ano áreas para interação social, exposição e demonstração de maquinários e outras tecnologias", informa a nota oficial. No entanto, a cooperativa - sempre antenada em oferecer atendimento de excelência aos produtores - destaca que se preparou e se adequou para que as Feiras aconteçam com sucesso, levando aos cooperados novidades em soluções, tecnologias e boas oportunidades de negócios. "Tudo no ambiente virtual".

A FEMAGRI e a Feira do Cerrado acontecerão de 01 a 26 de fevereiro, podendo ser acessadas nos seguintes endereços:

www.cooxupe.com.br/femagri, e através do site, www.cooxupe.com.br/feiradocerrado, além do aplicativo Cooxupé, nas versões Android e IOS.  A cooperativa adquiriu uma plataforma bem eficiente e dinâmica para atender aos cooperados e colocá-los em contato com os vendedores das marcas presentes nesta edição das feiras.

O cafeicultor encontrará na campanha virtual os mesmos benefícios das feiras presenciais como, por exemplo, o pagamento pela troca em café, com prazos que podem ser parcelados de 3 a 5 anos.

A equipe Cooxupé estará à disposição todos os dias para auxiliar seus cooperados no que for preciso, em diversos canais como e-mail, telefone, Whats App, entre outros. De acordo com o presidente da cooperativa, Carlos Augusto Rodrigues de Melo, a expectativa é de que "desta forma promoverá segurança e ao mesmo tempo levando aos associados muitos benefícios, em busca de mais eficiência na lavora com redução de custos.