RODRIGO PACHECO

Pacheco reafirma compromisso com base social na pandemia

Por: Redação | Categoria: Política | 06-02-2021 00:05 | 163
Foto de Divulgação

BELO HORIZONTE - O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (Democratas-MG), cumpriu, nesta sexta-feira (5), agenda oficial em Minas Gerais. É a primeira vez que o senador volta ao seu estado natal depois de eleito para comandar o Congresso Nacional. Em Belo Horizonte, Rodrigo Pacheco reafirmou que o Legislativo, neste primeiro momento, vai concentrar seus esforços na recuperação econômica, na saúde pública e na assistência social às pessoas mais afetadas pela pandemia. Pacheco enfatizou a necessidade da oferta de vacinas para todos os brasileiros. 

“É inegável ser fundamental que as pessoas tenham uma assistência, seja como incremento do Bolsa Família ou um programa análogo ao auxílio emergencial do ano passado, que foi muito importante naquele momento, porque forneceu condições para quase 70 milhões de brasileiros”, declarou Pacheco, durante a entrevista coletiva realizada na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

Rodrigo Pacheco relatou aos jornalistas que em reunião, na noite de ontem, com o ministro da Economia falou sobre a necessidade de algum tipo de apoio do governo às pessoas mais vulneráveis, em respeito ao teto de gastos públicos, enquanto não aconteça a imunização da maior parte da população. Segundo o presidente do Senado, Paulo Guedes sinalizou a possibilidade um novo socorro financeiro.

“Estou com muita expectativa que nós tenhamos nos próximos dias uma solução, um protocolo fiscal, que possa fazer um programa social que possa assistir essas pessoas. A nossa expectativa é buscar também por iniciativas legislativas a necessidade de compatibilizar o atendimento às pessoas com um programa social com o teto de gastos públicos”, destacou.

Pacheco ainda apontou que o caminho para realizar o enfrentamento da crise de saúde pública nacional é estabelecer a pacificação entre as instituições e os Poderes. Está previsto para os próximos dias uma sessão no Senado com a participação do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para prestar esclarecimentos aos senadores sobre questões referentes à pandemia.

“Precisamos estabelecer a pacificação entre as instituições e os Poderes para conseguir realizar a nível nacional o enfrentamento da pandemia com inteligência, agilidade e métodos científicos, especialmente para alargar o acesso à vacina por todos os brasileiros”, disse. 

Na capital mineira, o presidente do Senado reuniu-se com o governador do Estado, Romeu Zema; o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, e o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Agostinho Patrus. Rodrigo Pacheco ainda esteve com o presidente do Tribunal de Justiça do Estado, Gilson Soares Lemes; e com o presidente estadual da Ordem dos Advogados do Brasil, Raimundo Cândido Júnior. Os senadores mineiros Antonio Anastasia (PSD) e Carlos Viana (PSD) acompanharam o presidente.