CORONAVÍRUS

Paraíso têm mais dois óbitos por Covid-19 nesta sexta-feira

Por: Redação | Categoria: Saúde | 12-02-2021 17:21 | 527
Foto de Reprodução

A semana que começou com 83 casos de óbitos, no último dia 5 de fevereiro, terminou nesta sexta-feira,12, com 91 registros de mortes por Covid-19, em São Sebastião do Paraíso. As oito pessoas que faleceram no período representam o maior pico já registrado no município desde o início da pandemia. Também neste dia foram computadas mais 28 novas notificações e 10 novos casos confirmados da doença na cidade.

Com os últimos números apresentados no Boletim Epidemiológico da Prefeitura, Paraíso agora soma 8.930 notificações e totaliza 2.662 casos confirmados de pessoas que testaram positivo para o coronavírus. O balanço também registra na sexta-feira,12, mais dois óbitos por Covid-19 no município o que eleva para 91 a quantidade de casos.

Somente nesta semana considerando os casos registrados a partir de 8 de fevereiro a cidade teve o recorde de sete mortes confirmadas. De terça para quarta-feira, foram quatro mortes atribuídas a doença e ainda existe mais um caso sendo investigado.

O balanço divulgado mostra ainda que existem 13 pessoas confirmadas com Covid em isolamento domiciliar; enquanto que há outras 161 na condição de suspeitos que seguem sendo monitorados em suas residências. Os casos descartados chegam a 1.370, e neste item descartado são 48 óbitos que foram analisados por exames laboratoriais e não se confirmaram. Os recuperados chegam a 2.543 casos. O boletim ainda informa 15 internados em hospital.

Já a taxa de ocupação na Santa Casa de Misericórdia continua com os reflexos da quantidade de óbito, principalmente na UTI Covid. Nesta ala a taxa de ocupação agora é de 15% com apenas três dos 20 leitos disponibilizados sendo ocupados. Utilizam a área três pacientes sendo dois paraisenses e um morador de outra cidade da região.

Na Enfermaria também vem sendo mantido ao longo da semana a média inferior a 50% da capacidade de atendimento. Dos 47 leitos disponibilizados apenas 22 estão sendo usados, o que representa 46,80% do total. Deste total 19 pacientes são de Paraíso e apenas três residem em cidades da região.