VISTORIAS

Bombeiros iniciam vistorias para evitar incêndios no período de estiagem

Por: Nelson de Paula Duarte | Categoria: Cidades | 02-03-2021 14:16 | 329
Foto: Reprodução

O 2.º Grupamento do Corpo de Bombeiros em São Sebastião do Paraíso iniciou na segunda feira a Operação Alerta Verde. O objetivo é tomar medidas preventivas para evitar que incêndios aconteçam no período de estiagem entre março a outubro.

A operação se estenderá durante março, e se houver necessidade se prolongará no decorrer do ano. Entre 2019 e 2020 na área de ação do Corpo de Bombeiros em São Sebastião do Paraíso foram registradas em torno de 700 ocorrências de incêndios.

Conforme explica o sargento Giovani Duarte, foi realizado estudo tomando como base informações dos últimos quatro anos, no qual se identificou os locais de maior reincidência de incêndios no perímetro urbano, aqueles em que bombeiros estiveram atendendo ocorrência mais de uma vez no ano.

Foi criado um plano de ação para vistorias preferencialmente nestes locais, identificando riscos como mato crescido, presença de lixo, entulho, madeira, pneus velhos, móveis usados, além do risco de proliferação de dengue e de animais peçonhentos. Essas irregularidades serão constadas em boletim de ocorrência e serão encaminhadas para a Vigilância Sanitária do município onde os proprietários serão notificados para sanar estas situações. As vistorias serão intensificadas durante todo este mês e havendo necessidade ocorrerão no decorrer de todo ano”, salienta sargento Giovani.

Segunda-feira (1/3) foram realizadas vistorias nos bairros Nossa Senhora Aparecida e Jardim São José. A operação poderá se estender também para a zona rural.

Outro ponto destacado é que lotes limpos, carpidos, que não apresentem riscos para matas nativas, irão constar do relatório feito pelos bombeiros.

A Operação Alerta Verde está em andamento em todas a cidades em que há unidades operacionais do Corpo de Bombeiros em Minas Gerais.

“A população tem que entender que essas vistorias são de extrema importância para que juntos possamos reduzir os incêndios bem como evitar a proliferação de insetos e animais peçonhentos”, enfatiza Giovani Duarte.