ELIANA MUMIC FERREIRA

Lenda da criação

Por: Redação | Categoria: Cultura | 17-03-2021 10:54 | 79
Foto:

Diz uma lenda que Deus
gostava de ser criança
e todo dia brincava
no manto azul do infinito
com um jogo de preciosas
bolinhas do seu tesouro.
Certa noite, já cansado,
Deus dormiu sem recolhê-las
e as bolinhas, no céu,
tornaram-se as estrelas.
De manhã Deus acordou
e disse: vou procurar
um lugar para esconder
as bolinhas que me restam
porque não quero perdê-las.
E foi na terra que Ele
depois de muito cavar
enterrou-as em buracos
que cobriu para guardar.
Tempos depois Deus menino
retornou para buscá-las
e por mais que procurasse
não conseguiu encontrá-las.
Ele chorou e o seu pranto
derramou-se em correntezas
formando os rios, os lagos,
os oceanos e mares.
Mas, sob a terra molhada,
suas bolinhas brotaram
gerando com seus rebentos
as plantas verdes e flores.
E Deus menino feliz
corria soprando as flores 
cujas pétalas voavam
pelos ares do planeta
e espalhadas ao vento
transformavam-se, no céu,
em aves e em borboletas.