• Dos Leitores •

Nagasaki

Por: Redação | Categoria: Do leitor | 27-03-2021 00:05 | 93
Foto: Reprodução

Boneca que veio de longe, lá do Japão. Presente para uma menina. Nagasaki era linda, olhos puxados, era de pano, era encantada e diferente.

Veio morar em um reino encantado. Mas a irmãzinha, da menina que foi presenteada com Nagasaki, ficou muito triste, queria a boneca.

Como a dona de Nagasaki, era muito pequena, a irmãzinha maior, apoderou-se da boneca.

A tia de Nagasaki, foi apresenta-la ao mundo encantado: jardins de gérberas coloridas, enfeitados com borboletas multicores. Gramado, todo verdinho com lindas flores brancas, e um portãozinho. Do outro lado, lindas palmeiras que brilhavam com os raios de sol.

Nagasaki, ficava encantada! Do outro lado um mandiocal, e também pés de araçá e gabiroba, deliciosas frutas. Do outro lado, um bambuzal, cujo vento balançava suas folhas. Bem no centro do bambuzal, a tia e Nagasaki brincavam.

Era o mundo encantado!...

Mais à frente, lindas goiabeiras, com deliciosas goiabas maduras. Lá as duas subiam nos galhos da goiabeira, e lá em cima, em um tronco grosso, elas brincavam, comiam goiabas. Era a casinha da duas.

As duas caminhavam por uma enorme trilha, volteada de árvores: limeiras, goiabeiras, laranjeiras, bananeiras. A trilha terminava em baixo de uma enorme paineira, cujas flores cor-de-rosa caídas ao chão, serviam de chinelinhos para as duas.

Ao término da trilha, uma porteira fechada.

Do outro lado, começava outro mundo encantado. Outra Estória!

Nagasaki, ficava encantada!

Voltando da trilha, brincavam de cavalinhos, nos troncos das bananeiras cortadas, para retirarem os cachos de bananas.

Andando mais u m pouco pela trilha, de volta, chegavam debaixo de uma enorme mangueira, cujas mangas caídas no chão eram docinhas. As duas sentavam-se nas enormes raízes da mangueira, e se deliciavam com as mangas maduras.

Logo passando em um terreiro de terra batida, chagavam na Mansão do Mundo Encantado.

Lá era o verdadeiro céu! O Reino Encantado!

Ah!... Nagasaki, que saudade de você!...

Ah!... Mundo Encantado, você ficou no passado!...
Marene Lizareli Paes