CURTAS EDIÇÃO 2541

Curtas

Por: Redação | Categoria: Cidades | 08-09-2021 09:15 | 823
Foto: Reprodução

Orçamento
Na próxima Sessão Ordinária da Câmara Municipal de São Sebastião do Paraíso será lido em plenário o Projeto de Lei que estima receita e fixa despesas para o exercício do próximo ano, o Orçamento de 2022. A proposta após ser aceita em plenário será distribuída a todos os vereadores e debatida entre toda as comissões da casa, com direito a realização de Audiência Pública para que representantes da sociedade paraisense possam apresentar sugestões. É a primeira vez que a atual administração elabora a peça orçamentária e como é sabido, ela é peça fundamental para que se consiga realizar serviços à população, além de manter a máquina pública funcionando sem nenhum problema.

Enxuto
De acordo com as primeiras informações o valor total do orçamento estimado para 2022 é de R$ 332 milhões. Na divisão do bolo o Executivo terá R$ 292.759.512,00, enquanto que o orçamento da Câmara é previsto em R$ 9 milhões e do Inpar (Instituto de Previdência do Servidor de São Sebastião do Paraíso) é de R$ 30.771.112,00. Destes valores também são derivadas as fichas relativas a que cada pasta da administração deverá trabalhar financeiramente no próximo ano. Certamente que os vereadores farão alterações e ajustes que acharem pertinentes. Até o final do ano deverá ocorrer a votação final para que a lei orçamentária possa ser sancionada e colocada em execução a partir de 1º de janeiro próximo.

Mudanças
O prefeito Marcelo Morais anunciou e já está sendo pesquisado pela administração municipal um novo local para a realização da vacinação com o imunizante da Phizer. Até então tem sido usado o Posto de Puericultura para o armazenamento do material e também para a aplicação das doses. Como se sabe, essa vacina exige maiores cuidados em seu manuseio e armazenamento, razão pela qual não pode ser utilizada no drive-thru na Arena Olímpica. A intenção é ter um novo local onde seja possível armazenar e também atender a população dentro dos padrões exigidos.

Reclamações
A mudança no local, saindo do Posto de Puericultura para um novo endereço se deve a constantes reclamações de comerciantes da região. Isto porque quando da realização do drive-thru na Rua Gedor Silveira, no centro da cidade, o trânsito é interditado em algumas vias para possibilitar o deslocamento de quem quer vacinar. Com isso as queixas têm sido inevitáveis sobre prejuízos. Em um ano em que já houve tantas restrições o objetivo da mudança do local das vacinas é prejudicar menos os comerciantes. Expectativa então para que se encontre um local adequado e descentralizado para a imunização. Quando a economia se sobrepõe a saúde e a vida, não há muito o que fazer.

Comemorou
A comunidade escolar ligada a Escola Municipal Campos do Amaral comemorou a decisão da adminis-tração em determinar a realização de obras de reforma no estabelecimento. De acordo com a proposta serão restauradas as redes hidráulica, elétrica, telhado, piso, paredes, calçada, sanitários, portas e janelas. Conforme anunciado, serão investidos cerca de R$1,8 milhão na restauração do prédio tombado pelo patrimônio municipal.  Trata-se de um anseio da comunidade escolar, que estava preocupada com a segurança das crianças que estudam no local. A estimativa é de que a entrega da obra aconteça em março do próximo ano.

Estradas
Faz alguns dias que o prefeito Marcelo Morais percorreu durante todo um final de semana boa parte das estradas rurais do município que possui mais de dois mil quilômetros de extensão. Do passeio rural saiu a decisão para que a prefeitura inicie de imediato as obas de manutenção de alguns trechos já visando conservar as vias para o período de chuvas. Parale-lamente estão ocorrendo os trabalhos de reparos de pontes e mata-burros da região. Pelo anunciado alguns trechos conhecidos como encravadouros serão realizadas obras de calçamento como forma de solucionar os problemas existentes. Além de beneficiar o trânsito das pessoas que residem ou necessitam passar por estes locais e iniciativa beneficia diretamente a escoação da produção agrícola do município.

Gratidão
Representando a Câmara Municipal de São Sebastião do Paraíso, o presidente Lisandro Monteiro e o vereador José Luiz das Graças participaram da solenidade de inauguração de obras da Universidade Federal de Lavras - UFLA. Ao lado do secretário municipal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Sebastião do Paraíso, Cícero Barbosa, os vereadores participaram do descerramento das placas que marcou a inauguração dos novos espaços. O presidente Lisandro Monteiro, destacou que esse é mais um passo dado na conquista do campus da UFLA em Paraíso. “A palavra é de gratidão por confiarem na Câmara Municipal, que na gestão anterior começou os trâmites para que isso se tornasse realidade. E, hoje, temos a grande honra de representar o Legislativo e sermos os primeiros a inaugurar as placas do campus no município”, disse.

Agora é lei
Foi sancionada e já é Lei Municipal a proposta que obriga as empresas responsáveis pela instalação e manutenção da rede aérea de fiação a remover os cabos e a fiação quando em excesso e sem uso. Qualquer cidadão, entidade da sociedade civil ou representante do Poder Público também pode solicitar a retirada dos cabos, o que deve ser feito em até 48 horas a partir do protocolo de solicitação. Caso isso não seja cumprido, a empresa será multada em R$ 500 a cada 12 horas que o problema persistir. A lei é de autoria do vereador Pedro Delfante (PL).

Doula
O Executivo Municipal sancionou o Projeto de Lei que garante a presença de doulas em maternidades, casas de parto e estabelecimentos hospitalares congêneres, da rede pública e privada do município, durante todo o período de trabalho de parto, parto e pós-parto imediato, sempre que solicitadas pela parturiente. A legislação também impede que o estabelecimento de saúde cobre pela presença dessa profissional. Para defender a proposta, a doula e educadora perinatal Amanda Jeremias de Aquino fez uso da Tribuna Livre na sessão ordinária do dia 16 de agosto. Ela, que é mãe de três filhos, esclareceu que a doula atua no cuidado com a gestante e com o recém-nascido depois do trabalho de parto.