INTERLAGOS

Lewis Hamilton foi o mais rápido no primeiro dia de treinos para o GP do Brasil de Fórmula 1

Interlagos viveu uma sexta-feira quente e de domínio da Mercedes nas duas sessões de treinos livres
Por: Sérgio Magalhães | Categoria: Esporte | 10-11-2017 17:11 | 2891
Lewis Hamilton foi o mais rápido nas duas sessões de treinos livres desta sexta-feira, em Interlagos
Lewis Hamilton foi o mais rápido nas duas sessões de treinos livres desta sexta-feira, em Interlagos Foto de Clive Mason / Getty Images

 




Sergio Magalhães, de Interlagos, São Paulo




No primeiro dia de treinos livres para o GP do Brasil só deu Lewis Hamilton, com a Mercedes, em Interlagos. O mais novo tetracampeão da Fórmula 1 liderou as duas sessões, ainda que com pequena margem para os adversários mais próximos.
Sob o intenso calor que fez nesta sexta-feira, o inglês anotou 1min09s202 pela manhã, estabelecendo novo recorde da pista, superando em 0s127 o companheiro de Mercedes Valtteri Bottas, e Kimi Raikkonen, da Ferrari, em meio segundo. O holandês Max Verstappen, da Red Bull, foi o 4º colocado, seguido pelo companheiro de equipe, Daniel Ricciardo, em 5º. Sebastian Vettel foi apenas o 6º, e Felipe Massa, o sétimo, com a Williams.
Na sessão da tarde, a mais importante do dia por ser realizada no mesmo horário da corrida no domingo, as temperaturas se elevaram ainda mais, ultrapassando os 54ºC no asfalto, tornando o trabalho dos pilotos mais difícil em encontrar o melhor acerto dos carros para a corrida. 
E por conta da alta temperatura o melhor tempo da tarde acabou sendo inferior ao da manha em 0s303, mesmo com Hamilton calçado dos pneus supermacios, de faixa vermelha, o de composto mais rápido disponibilizados pela Pirelli que trouxe ainda para o GP do Brasil os macios (faixa amarela) e os médios (de faixa branca). Todos os pilotos são obrigados a utilizar dois compostos diferentes durante a corrida.
Hamilton fez o melhor tempo da tarde em 1min09s515, apenas 0s048 mais veloz do que o companheiro Valtteri Bottas, que ainda sonha em superar Sebastian Vettel na disputa pelo vice-campeonato. O finlandês do carro 77 da Mercedes está 15 pontos atrás de Vettel, restando ainda duas corridas para o encerramento da temporada.
Daniel Ricciardo fechou o dia com o 3º tempo, apenas 0s228 de Hamilton, um bom indicativo de que a Red Bull possa até brigar pela vitória na corrida. É bom lembrar que no decorrer do campeonato os carros da Mercedes sempre sofreram com os pneus no calor.
Sebastian Vettel ficou com o quarto tempo nesta tarde, enquanto o companheiro de Ferrari, Kimi Raikkonen foi o sexto, um resultado abaixo do esperado já que o modelo SF70H da Ferrari rende melhor nessas condições de temperatura.
Porém, por se tratar apenas do primeiro dia de atividades de pista, muita coisa ainda pode acontecer até a hora da classificação, amanhã, e a corrida no domingo. Em Interlagos nunca pode-se subestimar a possibilidade de chuva, ainda mais com o calor que fez hoje na capital paulista.
Despedindo-se do público brasileiro, Felipe Massa teve uma boa sexta-feira com o 8º melhor tempo na parte da tarde. Resultado até animador em se tratando de um carro da Williams que não se dá bem em pista que exigem pressão aerodinâmica. Os 4.309 metros do Autódromo de Interlagos requer o chamado downforce, pressão que empurra o carro contra o solo. O companheiro de Massa, o jovem canadense Lance Stroll, que ainda não conhecia o traçado de Interlagos foi apenas o 11º e 14º colocado respectivamente nos treinos da manhã e da tarde.
Amanhã às 11h os pilotos terão o último treino livre antes da tomada oficial de tempos que definirá o grid de largada às 14h. O 45º GP do Brasil começa no domingo também às 14h e segue acompanhado de perto pelo Jornal do Sudoeste.