CONGADAS 2017

Congada recomeça em Paraíso com a procissão das imagens

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Entretenimento | 27-12-2017 09:56 | 15389
Evento marca a retomada dos festejos de Congo e Moçambique após a solenidade de levantamento das bandeiras
Evento marca a retomada dos festejos de Congo e Moçambique após a solenidade de levantamento das bandeiras Foto de Roberto Nogueira/Jornal do Sudoeste

A realização da tradicional procissão das imagens dos santos ocorrida na tarde de ontem, terça-feira, 26, marca o reinício da festa da Congada, que vai até o próximo dia 30, em São Sebastião do Paraíso. Desde ontem à noite começaram as apresentações e desfiles dos ternos, naquela que é considerada uma das maiores festas da cidade. Neste ano com a presença do estreante Terno de Congo Novo Milênio, serão 16 grupos a se apresentarem. "A expectativa é a melhor possível, foram feitos todos os preparativos e estamos com tudo pronto para o grande momento tão aguardado por todos os amantes da congada", comenta o presidente da Comissão Organizadora, Heraldo Bícego.
Neste ano a Prefeitura destinou a verba de R$ 200 mil para toda a organização da festa, sendo que R$ 110 mil foram distribuídos entre os ternos e os outros 90 mil foram reservados para as demais despesas como a contratação de serviço de som, iluminação, arquibancadas e outras. Os desfiles terão início às 19h30 e deverão encerrar até às 2 horas da manhã. "Os tempos são repartidos entre os ternos, todos já estão acostumados com as apresentações, acredito não haverá problemas", diz Heral-do. 
A solenidade de Levantamento das Bandeiras ocorrida no dia 3 de dezembro marcou o início da festa na cidade. Na oportunidade foi realizada a missa em louvor aos seis santos padroeiros da congada e também o ato solene de levantamento das bandeiras, onde cada terno teve cerca de 10 minutos para se apresentar. Congadeiros e moçambiqueiros fazem homenagens a Nossa Senhora do Rosário, São Benedito, Santa Ifigênia, São Domingos, São Jerônimo e Santa Catarina, santos padroeiros da festa.
Como parte da tradição dos festejos foi realizada na tarde de ontem a procissão das imagens. "Todos os ternos participam deste evento que tem o seu significado e também é uma solenidade que reúne muita gente", explica Lucas Cândido, do Departamento de Cultura da Prefeitura. O evento reúne pessoas da cidade e visitantes. "Fiquei sabendo que a festa é bonita, estou encantada, é muito bonito", disse Maria Inês Sandoval, que veio de Goiânia com amigos de Paraíso. Durante o percurso pessoas e devotos se vestem de rei e rainha e são levadas até a Matriz São Sebastião para o cumprimento de promessa", situação que acontecerá até o dia 30, no período da tarde. 
Nos últimos anos por decisão dos festeiros e também da comissão organizadora foi abolido o concurso entre os ternos. Ainda assim no último dia é realizada uma homenageada a um congadeiro de cada terno. "Cada Terno de Moçambique terá 15 minutos e cada Terno de Congo terá 25 minutos, exceto o terno Caçulas de Paraíso que apresentará em 15 minutos", anuncia. O terno Novo Milênio criado neste ano fará estreia na passarela do congo. Confira no quadro a seguir a ordem das apresentações dos ternos.