ACISSP

Palestra na Acissp debate implantação do “Projeto Empreender” em Paraíso

Por: João Oliveira | Categoria: Cidades | 20-04-2017 22:04 | 578
Representantes de diferentes segmentos participaram da reunião na Acissp
Representantes de diferentes segmentos participaram da reunião na Acissp Foto de Divulgação

A Acissp (Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e de Serviços de São Sebastião do Paraíso) realizou na segunda-feira (17/4), a primeira reunião que visa implantar no município o programa Empreender. A iniciativa é desenvolvida através de parceria da Federaminas, CACB (Confederação das Associações Comerciais do Brasil), Sebrae Nacional. “Foi o encontro inicial que reuniu cerca de 70 pessoas, onde pretendemos levantar os arranjos produtivos de nossa cidade, através da nossa associação e com o apoio da Prefeitura”, disse o presidente da Acissp, Ailton Rocha de Sillos.
O Programa que reúne empresários de um mesmo segmento ou mesmo com objetivos comuns visa o fortalecimento das empresas. A iniciativa prevê a criação de núcleos setoriais e busca soluções conjuntas através de um moderador. De acordo com Ailton Sillos trata-se de um projeto desenvolvido pela CACB/Sebrae e que tem ainda o apoio e financiamento internacional, com recursos oriundos da União Europeia. “Sentimos que este é o momento de implantarmos este projeto aqui em Paraíso com o apoio e a participação dos comerciantes, dos empresários, as associações de produtores e sindicatos. A prefeitura também vem nos apoiar e vamos começar a trabalhar”, disse. 
Ele ressalta que no município foi realizado um levantamento abrangente que identificou setores que são apontados como arranjos produtivos e que poderão receber investimentos para se desenvolverem. “Tivemos representantes do artesanato, marcenaria, confecção, cabeleireiros e hortifrutis, com os quais pretendemos criar os núcleos de desenvolvimento e queremos com eles desenvolver um trabalho de forma sustentável”, diz o presidente da Acissp. 
Sillos afirma que está otimista com o empreendimento. “Tivemos a presença de um consultor e contratamos dois funcionários que vão trabalhar apoiando o desenvolvimento dos projetos. Será desenvolvida uma programação semanal e pretendemos incentivar as ações para que estes setores cresçam de forma sustentável”, completa.
Para o chefe de Departamento, da Sedeagro (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Agropecuário) Marco Aurélio Alves de Paula, a Prefeitura vem trabalhando para levar o máximo de desenvolvimento para o setor no município. “Esta é uma oportunidade que a Acissp está nos oferecendo de participar deste projeto e levar aos nossos produtores que trabalham com hortifriutis, artesanato e nas feiras livres na parte de alimentos a chance de trabalhar os objetivos comuns obterem mais qualidade e mais rentabilidade”, descreve.
Marco acentua que a iniciativa deverá tornar o produto destes grupos em algo diferenciado e que terá melhor valor agregado. “Estivemos na Acissp onde foi apresentado este projeto e estamos confiantes de que ele vai ajudar os nossos produtores a trabalhar melhor as suas atividades desde planejamento, a atuação em grupo, o companheirismo e terem os mesmos objetivos”, acrescenta.