OPINIÃO - Mariano Bícego

Chineses

Por: Mariano Bícego | Editoria: cultura | 20/08/2017 | Visualizações: 256

- Foto de Reprodução

Enquanto prossegue nosso tour pelo Leste Europeu, vou repartir algumas impressões com o leitor, como faço habitualmente quando em viagem.
Hoje no entanto gostaria de abordar o tema pelo olhar de quem recebe o visitante. Cidades como Praga, Viena, Veneza e tantas outras da Europa estão acostumadas a receberem a horda de turistas que as invadem, como os bárbaros fizeram na Idade Média.
Ao visitarmos esses lugares, fica a impressão que a batalha vencida no passado, está sendo perdida hoje, e com isso, por mais que o dinheiro entre, a paciência vai-se embora. Olhando pelo lado do habitante local, realmente deve ser muito irritante sair de casa e dar de cara com uma multidão de gente falando línguas diferentes, pedindo informações, obstruindo o caminho, atraindo empresas especializadas em tirar do turista o máximo, pouco se importando com a realidade e a cultura do lugar.
Mesmo ao chegarmos em lugares lindos, porém desconhecidos no interior da República Tcheca, nos deparamos com bandos de chineses,  com suas maneiras grosseiras e pouca educação.
Daí sentimos que a batalha realmente está sendo perdida.
Algumas cidades, como Veneza, por exemplo, estão cogitando a cobrança de uma taxa turística e uma proibição aos grandes navios de adentrarem seus portos e canais, o que provoca ondas que afetam as estruturas que sustentam tudo na cidade.
Mas os chineses são os piores turistas.
Me parecem um pouco sem cultura, estão descobrindo o mundo, mas só para fotografa-lo.
Não estão interessados em integrar-se à descoberta, apenas em usá-la e depois seguirem para outro destino, até regressarem à grande nave mãe do socialismo de mercado.
Nesse ponto os brasileiros levam vantagem.
Mas só nisso...
mabicego@hotmail.com

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897