BENEFÍCIOS

Produtores de Paraíso são beneficiados no Programa Nacional de Habitação Rural

Por: Roberto Nogueira | Editoria: agricultura | 14/03/2018 | Visualizações: 5996

Pequenos produtores rurais assinaram contrato para construção das casas - Foto de Divulgação

Sete agricultores familiares de São Sebastião do Paraíso conquistaram o benefício da aquisição da casa própria por meio do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR), que é integrado ao "Minha Casa Minha Vida Rural". O contrato que garantirá a construção dos imóveis familiares foi assinado na quinta-feira, 8, na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Agropecuário (Sedeagro). "Foi um trabalho intenso que estamos realizando aqui na secretaria e que demandou empenho total das nossas equipes, ao longo de um ano, mas que agora temos a satisfação de ver concretizado", comenta a Secretária Yara de Lourdes Souza Borges.
A assinatura dos convênios teve a participação da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Lago de Furnas (Adeslago),com apoio da Emater e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Paraíso. "Foi um trabalho ao longo prazo que agora estamos colhendo as portas, com a expectativas de que tenhamos mais recursos para darmos continuidade e quem sabe beneficiar mais produtores", acrescenta Yara Borges.
Após a assinatura do convênio a documentação foi encaminhada para a Superintendência Regional da CEF (Caixa Econômica Federal) que é o agente financeiro do programa. Para a construção da casa própria rural, o governo federal fornece ao agricultor familiar um subsídio de R$ 30 mil em materiais de construção, assim como a planta dos imóveis e assistência técnica. Cada imóvel possui 67 m² de construção distribuídos entre três dormitórios, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e varanda. Os produtores entram com uma contrapartida que é dividida em parcelas e também com a mão de obra.
De acordo com o chefe de Departamento de Agricultura, Marco Aurélio Alves de Paula as construções são sustentáveis. "Elas possuem aquecedor solar e fossas sépticas e serão construídas com o conceito de simplicidade, baixo custo e eficiência para o meio ambiente especialmente para a saúde da família do produtor rura", observa. Para aderir ao programa o produtor precisa ter renda máxima de até R$ 17 mil anual, estar com a DAP (Declaração de Aptidão ao Pronaf), entre outros critérios.
Conforme Yara Borges é gratificante ver a satisfação dos produtores contemplados diante de um trabalho intenso que foi desenvolvido para a habilitação no programa. "Nossas equipes de trabalho da Sedeagro e da Secretaria de Meio Ambiente atuaram intensamente, nossos funcionários se dedicaram no desenvolvimento da parte burocrática e hoje junto podemos comemorar mais esta conquista da administração para a comunidade", destaca. A secretária de Agricultura enfatiza que foi emocionante ver a satisfação das famílias contemplados. "É a realização de um sonho, de mudança de vida, uma satisfação imensa para todos os envolvidos neste processo", acrescenta.
Ainda segundo Marco Aurélio o número de beneficiados pode parecer pequeno, mas é devido ao baixo limite de renda estipulado. No entanto, é uma iniciativa que faz grande diferença na vida dos poucos, pois só assim poderão entrar para a casa própria. A expectativa é de que em breve chegue o recurso para o início das obras. "Não há prazo de conclusão, mas o projeto é desenvolvido em duas etapas, sendo a primeira a construção até a laje e depois no segundo momento a parte de acabamento".
De Paraíso foram contemplados os produtores Joaquim Paulo Oliveira (Antinha/Volpes), João Luiz Carmosini e José Otávio de Alvarenga (Queimada Velha), Reni Aparecida Farias e Alexandro de Faria (Itaguaba), além de Waldemar Montanhini (Faxina). No mesmo grupo está inclusa a produtora rural Antônia Aparecida Silva que é do município de São Tomás de Aquino.

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897