PLEITOS

Luiz de Paula aguarda atendimento de pleitos feitos a Concessionária Nascentes

Por: Roberto Nogueira | Editoria: politica | 17/03/2018 | Visualizações: 2098

Acesso para Guardinha tem pouca visibilidade e não há acostamento para quem vai converter à esquerda - Foto de Divulgação

O vereador Luiz Benedito de Paula (PHS) anunciou que ter encaminhado, em nome da Câmara Municipal, pelo menos quatro reivindicações de obras de melhorias em vários trechos da malha viária próximo a São Sebastião do Paraíso, administrados pela Concessionária AB Nascentes das Gerais. "Tenho recebido muitas reclamações de usuários, passageiros e moradores destas áreas que pedem providências para uma série de situações em que havendo boa vontade podem ser solucionadas evitando riscos de acidentes, transtornos, prejuízos materiais e até mortes", diz. Ele afirma não se importar com as negativas já recebidas e reforça que continuará cobrando providências. 
Em mãos com uma série de documentos, cópias de ofícios enviados e recebidos da concessionária, Luiz de Paula se mostra incomodado e indignado com a situação. "Recebo as reclamações das pessoas e vou ao local, tiro fotos, analiso e faço as solicitações para as providências, nada é feito sem uma fundamentação", argumenta. Se é algo além de sua alçada ele solicita a visita de representantes da empresa para acompanhar os casos e propor alternativas. "Em engenharia não há nada que possa ficar sem solução", comenta. 
As reivindicações do vereador vêm desde o ano passado período em que marca o seu primeiro ano como vereador. "Antes disso eu já atuava como defensor da população, participei de audiências públicas, enviei correspondências e sempre busquei soluções para os problemas que surgiam. Agora não pode ser diferente já que estou em pleno exercício do meu mandato, como representante da população na Câmara Municipal", anuncia. 
Dentre os pleitos realizados em 2017 constam vários ofícios. Foi pedida a implantação de iluminação e construção de calçada na BR-265, nas proximidades do Km 638, entre os bairros Cidade Nova e Morumbi. Também foi solicitada a construção de acostamento no km 399 da MG-050 e colocação de duas placas com setas refletivas para identificar a entrada; construção de um acostamento no Km no km 0,3 da BR-491, com entrada para o Bairro Cidade Industrial, em frente a faculdade. Neste caso, pede-se a instalação de placa com dizeres "Para conversão à esquerda, aguarde no acostamento".
Outro pedido de providência é a implantação de placa de orientação no km 640,5, da BR-265, acesso ao Parque da Serrinha. A opção apresentada é que se faça um retorno a 200 metros, na entrada da empresa Centege. 
O vereador aponta ainda uma mudança feita no ponto de embarque e desembarque de ônibus no km 652,7 da mesma rodovia. "Havia ali um ponto usado pelas pessoas moradoras da região desde 1950. Não é fácil desembarcar em um local distante com sacolas, crianças, ou com chuva em um local distante como foi feito. Facil é para quem passa ali de carro", protesta. 
Segundo a concessionária todas as reivindicações foram avaliadas por uma equipe técnica. A iluminação e calçada entre os bairros Cidade Nova e Morumbi é considerada obra nova e necessita de contratação específica. O contrato de concessão prevê no local a duplicação, construção de passarela e passagem inferior de veículo, o que deve ocorrer até 2024. A Nascente das Gerais afirma ser impossível alterar o cronograma de obras estipulado pela Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas.
Já o acostamento no KM 399 da MG-050 a justificativa é de que não há previsão de novas áreas e que a convergência deverá ser feita em áreas favoráveis para cruzamento da via, propiciando o acesso com segurança, o que não é o caso do local indicado. Quanto ao pleito para a BR-491 próximo a faculdade no bairro Cidade Industrial, a informação é de que existe área de 1,80 metros e é pedido uma área de espera para convergência, o que é considerado obra nova. A orientação é para que se faça a convergência no retorno mais próximo, descartando a utilização de placas de sinalização. 
Quanto ao acesso ao Parque da Serrinha, na BR-265, a Concessionária afirma não haver retorno regular no local indicado e pede que se faça a manobra em local favorável.  Ainda na mesma rodovia, a mudança do ponto de embarque e desembarque segundo a empresa o projeto foi aprovado junto ao DEER ficando apenas 550 metros do local anterior, justifica. 
Luiz de Paula ainda fez outras duas reivindicações sendo uma delas mudanças na BR-265, no trecho de acesso a estrada que dá acesso ao Distrito de Guardinha. "A visibilidade é muito ruim, às vezes o motorista precisa ficar parado na pista para fazer a conversão e aumenta o risco de acidentes", acrescenta. A situação esta sendo analisada pela empresa. Caso semelhante apontado pelo vereador é próximo ao entroncamento das BR-265 e BR-491. "Não há sinalização de curva acentuada ali é um pedaço favorável para ocorrer acidentes e alguma coisa precisa fazer antes que aconteça", alerta. 
Na entrada do bairro rural dos Marques Luiz de Paula teve sua solicitação atendida. "Ali existia um desnível muito grande entre a pista e o acostamento. Fiz uma solicitação de providências e foi colocada uma massa asfáltica com nivelamento do terreno o que evitará situações indesejáveis aos motoristas", conclui.

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897