MG 050

Pedreiro de Paraíso se envolve em acidente com morte na MG-050

Por: Roberto Nogueira | Editoria: acidente | 28/03/2018 | Visualizações: 1152

Engavetamento na MG-050 envolveu dois carros e uma moto teve saldo de um morto - Foto de Reprodução

Um acidente registrado no final da tarde de domingo, 25,  na rodovia MG-050 resultou na morte do vigilante Anderson Ferreira Dias, de 41 anos. Ele envolveu-se em um engavetamento após um acidente envolvendo outros dois veículos, inclusive um deles com placas de São Sebastião do Paraíso, onde estavam quatro pessoas, mas nenhuma delas se feriu. Raios de sol podem ter sido a causa das duas colisões traseiras, situações que estão sendo avaliadas pela perícia técnica e que vai constar no inquérito que foi instaurado para apurar as circunstâncias do ocorrido. 
Segundo informações constantes no boletim de ocorrência elaborado pela polícia, inicialmente, foi registrado um acidente envolvendo um VW Gol e um Toiota Corolla. O gol com placas de Paraíso era conduzido por pedreiro de 49 anos, que colidiu contra a traseira do Corolla, com placa de Lagoa da Prata (MG). Com a batida ambos os veículos pararam às margens da via para verificarem os danos ocorridos. 
O pedreiro disse que a mulher que estava à sua frente teria reduzido a velocidade devido ao intenso trânsito à frente, situação que foi confirmada pela condutora. Ele declarou ainda que teve a sua visão prejudicada em função dos raios de sol que estavam na direção contrária a que o pedreiro dirigia.  Ele foi submetido ao teste do etilômetro e o resultado do exame apontou 0,30 miligramas de álcool por litro, apontado como infração. Estava acompanhado da esposa, dois filhos e uma outra pessoa. 
Os passageiros dos dois veículos desceram para verificar o ocorrido quando em seguida o motociclista Anderson Dias, que junto com sua esposa trafegavam na moto XT 660 colidiu contra a traseira do gol.  Ele teve morte instantânea. Já sua companheira foi arremessada para a frente dos dois carros, e sofreu diversas fraturas e ferimentos generalizados. A mulher foi encaminhada ao hospital com suspeita de traumatismo craniano. A condutora do Corola que já tinha sido envolvida no primeiro acidente sentiu-se mal ao ver a segunda colisão e precisou ser medicada. 
Atuaram na ocorrência viaturas do Corpo de Bombeiros que prestaram socorro às vítimas. A Polícia Rodoviária registrou Boletim de Ocorrência. O corpo de Anderson após passar por perícia foi liberado para a família. O sepultamento do corpo dele ocorreu na tarde de segunda-feira,26, em São José da Barra.

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897