UFLA

Conselho autoriza devolução de área do SESC, e MEC já tem recursos

Por: Redação | Editoria: politica | 29/06/2018 | Visualizações: 8436

- Foto de Reprodução

Aprovado em março pelo MEC, campus universitário federal também terá R$ 30 milhões para sua implantação. Sesc investirá R$ 10 milhões em sua nova unidade paraisense. 
O processo para a implantação do campus da Universidade Federal de Lavras – Ufla, em São Sebastião do Paraíso, ganhou nesta quinta-feira (28/6), dois avanços fundamentais, com a garantia da cessão da área e dos recursos federais para o campus universitário, que estão na pauta de trabalho das lideranças, com a coordenação do deputado federal Carlos Melles (DEM-MG). 
Durante encontro do deputado com o presidente da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), Antonio Oliveira Santos, ontem no Rio de Janeiro, foi assinado ad referendum a retrocessão da área do Serviço Social do Comércio – Sesc para a Prefeitura de Paraíso, que na sequência repassará para a Ufla, com a aprovação da Câmara Municipal. A Confederação é o órgão máximo de administração do Sesc, um dos maiores sistemas de desenvolvimento social do mundo.
Este passo foi fundamental, uma vez que o campus universitário, que já está garantido pelo Ministério da Educação desde março deste ano, necessita da cessão da área de 150 mil m² no Jardim Mediterranèe para abrigar a estrutura da universidade.
Como contrapartida, o SESC receberá as instalações da Praça de Esportes Castelo Branco para implantar sua unidade, onde está previsto investimento de 10 milhões de reais, transformando o local em um espaço privilegiado para esportes, saúde e educação.
“O passo mais difícil foi a aprovação do campus federal pelo MEC, que conseguimos em março, agora vamos vencendo etapa por etapa outros desafios igualmente importantes, e não falta trabalho parceiro, unindo a direção e equipe da Ufla na pessoa do reitor José Roberto Scolforo, prefeito Walker Américo Oliveira, os vereadores, deputado estadual Antonio Carlos Arantes, enfim, é a maior conquista da história de Paraíso”, pontuou o deputado Carlos Melles.
Depois da aprovação da direção do SESC Minas e do jurídico nacional da entidade, faltava a decisão do CNC. “O presidente Antonio me recebeu na sede da CNC e relembramos parcerias muito positivas de trabalho que tivemos, especialmente quando fui ministro e incentivamos o turismo náutico no Rio de Janeiro, promovendo a geração de emprego e renda. Ele ficou muito emocionado e, com a documentação legal, nos presentou com a assinatura final ao processo”, contou Carlos Melles.
“Espetacular”, com esta palavra o reitor da Ufla repercutiu o resultado do encontro que selou a retrocessão da área em favor da universidade. “Parabéns mais uma vez deputado. Vamos em frente com Deus”, disse o prefeito Walquinho.

 

DINHEIRO NA CONTA
Ainda na noite de quinta-feira, o ministro da Educação, Rossieli Soares, informou ao deputado Carlos Melles sobre o encaminhamento ao Ministério do Planejamento do pedido de liberação de 30 milhões de reais para que a Ufla possa abrir o processo de licitação para a construção de sua estrutura em Paraíso. “Na sexta logo pela manhã o ministro Rossieli me comunicou dizendo que o Planejamento já havia repassado os recursos, numa ação muito rápida, abrindo uma perspectiva muito favorável para licitar as obras e programar o primeiro vestibular”, anunciou Carlos Melles. 
Nas últimas semanas esta questão dos recursos foi alvo de intenso trabalho do deputado junto ao Governo Federal, especialmente nos Ministérios da Educação, do Planejamento e na Secretária Geral da Presidência da República. 
Como meio de assegurar o investimento, o reitor José Roberto Scolforo e o deputado conseguiram uma agenda com o presidente Michel Temer.
por Paulo Delfante

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897