CURTAS

CURTAS EDIÇÕES 2222

Por: Redação | Editoria: cidades | 25/07/2018 | Visualizações: 2721

- Foto de Reprodução

ICM CULTURAL
O Instituto Estadual do Patrimônio Histórico Cultural divulgou nesta semana a lista final com a relação definitiva dos pontos obtidos pelos municípios em relação ao ICMS Cultural. Paraíso recebeu pontuação de 10,55, quando em outras épocas chegou a atingir cerca de 16 pontos e liderou o ranking regional. Expectativa é de que o resultado possa render cerca de R$ 200 mil. O recurso quando chegava, já foi utilizado até para custear despesas da congada. Agora se vier em 2019 ano terá como destino a revitalização do prédio da E.M. Campos Amaral, prédio tombado como patrimônio municipal.

 

AGUARDADO
Para esta semana é aguardada a vinda de dirigentes da Universidade Federal de Lavras (Ufla) a Paraíso para receberem a documentação cedida pelo município da área onde será construído o câmpus da instituição. Era o que faltava para a instituição dar prosseguimento para o processo de licitação. Expectativa também se haverá algum anúncio sobre algum prédio provisório onde serão instalados o primeiro curso na cidade e sobre o possível vestibular ainda neste segundo semestre. 

 

APOIOS
O pré-candidato ao governo de Minas Gerais Antônio Anastasia (PSDB) ganhou o apoio oficial do PTB e do PSD para a sua campanha. O PSD fez uma espécie de pré-convenção para o evento oficial que ainda será realizado até o próximo dia 5 de agosto. Já o PTB formalizou apoio ao tucano na convenção realizada na tarde de segunda-feira, na capital. O partido é o mesmo na qual o prefeito de São Sebastião do Paraíso, Walker Américo, encontra-se filiado. Walkinho até estava pelos lados de BH, mas não se sabe se participou da convenção do partido. O PPS mineiro também apoia o tucano. 

 

RUMORES
Em política nem sempre as mesmas informações duram mais do que 24 horas. Rumores do fim de semana davam conta de que o pré-candidato pelo PSDB ao Governo do Estado, Antonio Anastasia, poderia deixar a sua condição, em favor de Rodrigo Pacheco (DEM), possibilitando um acordo entre os partidos em nível nacional. A medida abriria espaço para que o pré-candidato a presidente da República, Geraldo Alckimin, tivesse um palanque consolidado em Minas. Pelo anunciado as conversações continuam sendo que Pacheco é que integraria a chapa tucana.

 

5º DIA
O Tribunal de Justiça de Minas Gerais determinou por meio de liminar, que o Estado volte a pagar os servidores da área da Educação até o quinto dia útil do mês e em parcela única. Atualmente a administração estadual deposita a remuneração de forma escalonada e com atrasados. A decisão é uma resposta a ação movida pelo Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (SindUte). Em caso de descumprimento, o Estado deverá pagar multa diária de R$ 30 mil. O despacho foi assinado pela desembargadora Maria das Graças Albergaria dos Santos Costa, da 3ª Câmara Cívil de Belo Horizonte.

 

RECORREU
Com alegação de falta de dinheiro em caixa, o Governo de Minas ingressou com recurso junto ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais para derrubar a decisão que obriga o Estado a pagar os salários dos servidores da educação até o 5º dia útil de cada mês. A defesa de Fernando Pimentel pediu a suspensão da decisão liminar e espera reverter a medida.  O parcelamento dos salários ocorre há cerca de dois anos e é feito em até três parcelas durante o mês. Porém, os atrasos continuam sendo registrados pelos funcionários públicos. Graves, paralisações e manifestações já foram feitos, sem resultados concretos.

 

SEM DESTINO
Continua sem destino o rumo a ser dado a Associação dos Produtores de Hortaliças de São Sebastião do Paraíso e região. A reunião que estava marcada para o final da tarde de segunda-feira ,23, na sede da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Agropecuário acabou não ocorrendo por falta de comparecimento dos interessados. No primeiro encontro ocorrido dia 16 estavam presentes apenas oito dos pouco mais de 30 associados. Desta vez, apesar de todo esforço de chamamento dos interessados, apenas o ex-presidente, Luiz Moreira. Novo encontro deverá ocorrer ainda nesta quarta-feira. 

 

CANETADA
A ministra do STF, mineira Carmen Lúcia volta a ocupar a presidência da República, tendo em vista a viagem do presidente Temer ao exterior, e pelo fato de seus substitutos imediatos terem se esquivado de assumirem o cargo por serem candidatos a cargos eletivos nas próximas eleições. Na segunda-feira (23/7) a ministra assinou ato desapropriando imóvel em São Sebastião do Paraíso na avenida Oliveira Rezende, onde está instalado o Fórum da Justiça Federal.

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897