INACABADA

Obra inacabada tem sido alvo de vândalos: moradores pedem providências

Por: Sebastião Tadeu Ribeiro | Editoria: acidente | 06/08/2018 | Visualizações: 5653

Vejam o tamanho do vão da janela da Escola em que os vidros foram quebrados por Vândalos - Foto de Sebastião Tadeu Ribeiro

Moradores que residem nas proximidades da construção paralisada, inacabada e depredada, da Escola Professor José Carlos Maldi, no bairro Bela Vista, procuraram o Jornal do Sudoeste para reclamar do abandono, e reivindicar o término daquela obra.
Conforme denunciam, e com razão, a construção do prédio da pretendida Escola Municipal que está paralisada há uns oito anos, está sendo depredada por vândalos e o terreno está sujo de mato e durante à noite virou ponto de encontro de usuários de drogas e encontros amorosos.
O “JS” foi constatar e verificou que vidros de uma enorme janela que fica de frente para a rua Francisco Herculano Duarte foram quebrados. No interior da construção existem várias portas e salas e banheiros amassadas. Outros detalhes que facilitam o acesso aos vândalos é buraco na cerca do alambrado e a falta de vigias no local. Reparos vão, com certeza, custar “uma grana enorme” para os cofres do município.
É patrimônio público que está sendo dilapidado por vândalos e pelo tempo, e isso não poderia acontecer, porque a prefeitura tem a Guarda Municipal, e sua função e incumbência é proteger o patrimônio público, bens móveis e imóveis, salienta um dos moradores das imediações.
Esta necessária e importante obra pública já deveria estar funcionando e quando estiver irá beneficiar várias crianças e adolescentes que residem nos bairros Cidade Nova, Independência, Sassafrás, Morada do Sol, São Geraldo dentre outros.

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897