DETENTOS

Homem acusado de estupro de vulnerável é morto por detentos em Paraíso

Por: João Oliveira | Editoria: policia | 03/04/2017 | Visualizações: 14883

Manoel Tomé da Silva, de 33 anos - Foto de Reprodução

Um homem acusado de estupro de vulnerável no Maranhão foi morto por detentos no Presídio de São Sebastião do Paraíso nesta segunda-feira (3/4). Manoel Tomé da Silva, de 33 anos, havia sido preso após cumprimento de mandado, no início de março e dividia a cela com outros oito detentos. 
Segundo informações, o caso foi registrado durante a troca de turno dos agentes penitenciários, que teriam sido avisados pelos presos. O homem foi socorrido junto a UPA (Unidade de Pronto Atendimento), onde médicos tentaram reanimar a vítima, mas que não resistiu e veio a óbito.
Manoel era acusado de estupro de vulnerável, na cidade de Lagoa da Pedra, no estado do Maranhão, e segundo informações da Polícia Militar à época, o homem, que trabalhava como auxiliar de serviços gerais, estava foragido desde 2009, quando foi acusado pelo crime.
O mandado expedido pela justiça Maranhense, em 2015, foi cumprido pela PM de Paraíso no dia 13 do mês passado. No momento da prisão, a esposa do acusado tentou interferir na ação policial e também foi presa em flagrante. O foragido havia sido conduzindo à Delegacia de Polícia Civil e posteriormente recolhido ao presídio de Paraíso onde foi morto na manhã desta segunda-feira (3/4) por outros detentos. 

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897