CURTAS

CURTAS EDIÇÕES 2090

Por: Redação | Editoria: politica | 08/04/2017 | Visualizações: 210

-

TV Câmara
Na próxima segunda-feira será a inauguração oficial da TV Câmara. O embrião deste projeto foi lançado pelo ex-presidente da casa, José Luiz Corrêa e agora o atual presidente, Marcelo Morais está dando novos ares para a futura emissora. Novos equipamentos foram instalados e quem assistiu o teste da transmissão da última sessão pôde perceber melhoria significativa no corte de imagens e no som. Outros ajustes estão sendo feitos e a tendência é que no futuro não muito distante as transmissões não serão apenas pela internet e a Câmara terá seu próprio canal de TV e Rádio. A mudança se dá pelo fato de a Câmara Municipal de São Sebastião do Paraíso estar se conveniando para fazer parte da Rede Legislativa.
Rede Legislativa
Neste sistema o cidadão pode acompanhar o trabalho parlamentar, assim como discussões e debates sobre temas de seu interesse em ao menos três emissoras: TV Câmara federal, TV Senado, TV Assembleia estadual e TV Câmara municipal. A Rede Legislativa de TV Digital encerrou 2016 presente em 42 cidades brasileiras. Com isso, mais de 50 milhões de brasileiros têm a possibilidade de assistir, de forma gratuita, às programações das emissoras de televisão dos legislativos municipal, estadual e federal, em sinal aberto. A Rede possui mais 82 canais autorizados pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. Outros 372 canais foram solicitados pela Câmara dos Deputados ao ministério para dar prosseguimento à expansão. 
Embates
Nesta segunda-feira, acontece mais uma sessão ordinária da Câmara Municipal. Passado o clima de paz e amor, entre os vereadores já começam a surgir as famosas cutucadas com direito a troca de farpas e outras situações. Os embates vão surgindo à medida que o tempo passa e até velhos acontecimentos começam a ser colocados em pratos limpos. Ainda assim a população ainda está se acostumando com o novo jeito de fazer política, pensando-se no melhor para a cidade e a politicagem ficando cada vez mais em desuso. 
Greve
A partir desta segunda-feira,10, todas as escolas que estavam em greve por estes dias voltam as suas atividades normais em Paraíso. O calendário de reposição dos dias parados deverá ser anunciado em breve, mas é certo que as férias de julho ficarão comprometidas. O resultado da greve é incerto, embora, o Governo Federal tenha anunciado excluir os servidores da educação do plano de reforma da Previdência. Resta saber como fica aquela tal qualidade do ensino com as aulas aos sábados, como elas acontecem em fase de reposição. Poucos comparecem e o que se aprende nestes dias é uma “coisica” de nada. Em nível estadual em alguns municípios volta às aulas só depois da páscoa.
Vem mais
Como se sabe, com as finanças do Estado de Minas na bancarrota, a ponto do governo anunciar que pretende vender o prédio da Cidade Administrativa para arrecadar algum, não está descartada a possibilidade de novas paralisações em virtude de eventuais atrasos no pagamento de salários, mesmo com a nova tabela de escalonamento. Há uma série de reivindicações em andamento, sendo discutidas e a classe anda mais mobilizada do que nunca. Depois de votar em massa no governo atual a fase é de experimentar o veneno. Desdenharam tanto da situação em que estavam que chegaram a ponto onde estão. Não há nada que esteja ruim que não possa ficar pior.
Feira
Novamente em Paraíso a reprise daquela antiga novela sobre os feirantes que vêm de fora para comercializar seus produtos na cidade. O assunto divide opiniões já que no comércio local a queixa é de que pagam impostos, registra-se funcionários e por isso os custos são mais elevados. Para quem vem de outras praças, a oportunidade de comercializar por um preço mais em conta e ainda por cima encontrar público consumidor interessado em produtos e ofertas interessantes, o que não se encontra todo dia nas vitrines da cidade.  Uma típica disputa semelhante aquela história do rochedo contra o mar. 
Azar
A Prefeitura iniciou os serviços de tapa-buracos em várias ruas da cidade e estava começando a pegar ritmo com o serviço. Havia vários dias de estiagem e sol escaldante, mas para não contradizer o secretário de Obras, José Cintra, com as chuvas dos últimos dias será preciso esperar novamente que deem uma trégua para retomar os trabalhos. Nesta semana os reparos foram feitos numa pequena parte da Avenida Engenheiro Washington Martoni entre a Rodoviária e o curtume. Ainda faltam um bom trecho e alguns pedaços em estados críticos para serem reparados. Que São Pedro colabore dando aquela trégua, até porque semana que vem é mais curta e o serviço não deslancha.
Iluminação
Boa nova foi o anúncio de que serão iniciados os reparos no serviço de iluminação pública de Paraíso a partir desta segunda ou terça-feira. Após análise de propostas apresentadas no processo licitatório ficou definido na tarde de sexta-feira (7/4) que a Luz Forte Iluminação e Serviço Eireli ME, de Passos, foi a vencedora do certame. Irá cobrar R$ 4,13 pela manutenção de cada poste. Duas empresas apresentaram preços menores, no entanto tiveram problemas com documentação apresentada.  Desta forma a Luz Forte que pela ordem de valores estava em terceiro, acabou papando. Inicialmente serão duas equipes trabalhando para tirar ruas, avenidas e praças da penumbra. Uma terceira equipe virá dar um reforço nos próximos dias.
Repasse
O Ministério da Saúde autorizou o repasse de R$ 19.227.422,73 para a intensificação das ações de vacinação contra a febre amarela. A verba vai ser dividida entre 366 cidades de cinco estados. Em Minas Gerais, São Sebastião do Paraíso é um dos 53 municípios contemplados e que vão receber  uma parcela dos recursos liberados pelo governo. Paraíso ainda aguarda resultado dos exames dos restos mortais de um macaco encontrado morto há mais de um mês. A cidade também suspendeu os festejos carnavalescos por conta da incidência de casos no Estado e em alguns municípios vizinhos. 
Febre amarela
Até o dia 17 de março, foram confirmados 448 casos da doença no país. Ao todo, foram notificados 1.561 casos suspeitos, sendo que 850 permanecem em investigação e 263 foram descartados. Das 264 mortes notificadas, 144 foram confirmadas, 110 ainda são investigadas e 10 foram descartadas. No Sul de Minas, quatro casos, com três mortes, foram confirmados em humanos. Além disso, nove cidades tiveram registros de mortes de macacos causadas pela febre amarela entre elas Delfinópolis, Caldas e Três Pontas. Além dessas cidades, casos notificados em outros 26 municípios da região ainda estão em investigação.
Pintou e bordou
Nesta semana que se inicia deverá ser assinado o contrato entre Prefeitura de Paraíso e a empresa de auditores independentes que estará encarregada de passar um pente fino e apurar o que pode ter levado o município à dívida astronômica, deixa por alcaide Reminho., algo ultrapassando a casa dos R$70 milhões. Por falar em auditoria, concluiu-se neste final de semana a que foi realizada internamente. Para resumir o que foi encontrado, basta dizer que o resultado será colocado nas mãos da 5.ª Promotoria de Justiça da comarca. Mais uma série de desmandos para a coleção.

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897